Desfile
Cerca de 40 modelos desfilam no palco do Teatro Univates (Foto: Ana Amélia Ritt / AI Univates)

Promovido pela Universidade do Vale do Taquari (Univates), o Desfile de Moda Inclusiva chega a sua quarta edição. Cerca de 40 modelos com e sem deficiência sobem ao palco do Teatro Univates no dia 20 de agosto, às 19h30min. O momento também terá audiodescrição para pessoas com deficiência visual que estiverem na plateia. O evento é gratuito e aberto ao público. Para assistir ao desfile é necessário se inscrever no site.

“A moda pode ser inclusiva no momento em que ela se torna capaz de contemplar todos os tipos de corpos. Na indústria da moda o vestuário é potencializado e extremamente valorizado, com lançamentos, tendências, estudos de cores, proporções, criação de imagens, porém, quando pensamos em um público que não se enquadra no padrão de tamanhos e modelagens tradicionais, é possível perceber o quanto a moda tem sido excludente”, explica a coordenadora do curso de Design de Moda, professora Josiane Andreia da Costa.

LEIA MAIS: Cover nacional de Adele se apresenta na Univates no dia 30

Entre as formandas do curso de Design de Moda está Natalia Witezorek Pereira. Ela afirma que o evento ajuda a compreender melhor as necessidades e particularidades de cada pessoa. “O designer precisa estar atento para criar uma peça. Precisa entender o que facilita o dia a dia, se a pessoa necessita de mais conforto, de aberturas especiais, de roupas em tamanho especial, enfim, deve escutar com atenção e carinho, a fim de compreender para de fato poder ajudar com o vestuário especial”, analisa.

Desfile
Evento é realizado pelo curso de Design de Moda da Univates (Foto: Ana Amélia Ritt / AI Univates)

LEIA MAIS: Paula Toller faz show no Teatro da Univates

Josiane salienta a importância desse tipo de evento para este público em específico.“Quase 25% da população brasileira possui algum tipo de deficiência. É um quarto de potenciais consumidores que não estão sendo contemplados pela moda e têm dificuldade de encontrar até mesmo peças que cumpririam sua função básica – cobrir e proteger -, quem dirá então embelezar e colaborar para o aumento da autoestima, o que as pessoas tanto buscam no ato de se vestir”, finaliza.

Além das diplomadas e estudantes do curso de Design de Moda, o evento está sendo organizado por alunos de Estética e Cosmética, Fisioterapia e Psicologia, totalizando cerca de 40 alunos e profissionais. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3714-7000, ramal 5088, ou no site do evento.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome