Folha esclarece dúvidas sobre o uso do álcool gel

Com a pandemia da Covid-19, o álcool gel passou a integrar a rotina da maioria das pessoas. Indicado para a limpeza das mãos para todas as situações nas quais não há a possibilidade de fazer a higienização com água e sabonete.

A presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção RS, Taciana Dal Forno Dini, ressalta, no entanto, que pacientes passaram a questionar também se seria adequado usar o produto no rosto. A resposta é não.

“O uso na face não é apropriado porque o álcool gel provoca um ressecamento e pode causar descamações na pele. Além disso, há risco de entrar nos olhos da pessoa provocando irritação, alergia ou até uma lesão”, explica.

Outro ponto a ser destacado é que o uso do álcool gel no rosto pode causar alergia, o que provocaria o lesões, fazendo com que a pessoa leve mais as mãos ao rosto para coçar ou para retirar as casquinhas.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome