Por ter melhor campanha, Assoeva leva vantagem do jogo de volta em Venâncio Aires, dia 26. (Foto Roni Müller)

Neste sábado, a partir das 19h, na cidade de Canoas, SER Alvorada e Assoeva/Unisc/ALM disputarão o primeiro confronto da fase final do Campeonato Estadual de Futsal 2019. Chegam na decisão as duas equipes que ao longo da temporada disputaram jogo após jogo e fases após fases, a melhor campanha na geral. A Assoeva está na frente nos números e por isso leva vantagem do jogo de volta no Poliesportivo, dia 26. Antes disso tem os 40min de ida que serão disputados no Centro Esportivo São Luis, em Canoas.

O fato de chegar na decisão por si só contempla o trabalho das duas equipes. Quem chega quer vencer e isso vale para ambas. Final não se joga, se vence.

Na busca pelo bicampeonato, a Assoeva está preparada para mais este desafio. Chega na final com a melhor campanha, tem o ataque mais positivo e a defesa menos vazada. Contra o leão alvoradense, será preciso muita concentração. Dentro de quadra a equipe terá que mostrar seu melhor futsal. “O adversário, motivado por chegar, jogando em casa, com o apoio do seu torcedor, vai fazer de tudo na busca pelo melhor resultado. Faremos o mesmo pois nosso intuito igualmente é sair de lá com um bom resultado. Ficar naquela obrigação de ter que vencer em casa e transferir a decisão para o tempo extra é perigoso”, destaca Boni, capitão da equipe de Venâncio Aires.

O líder ressalta que a Assoeva chega na decisão jogando seu melhor futsal. “A campanha num todo é a prova disso. O momento é muito favorável. Agora é colocar em prática dentro das quatro linhas”, completa.

Parte da preparação da equipe nesta semana foi em cima das dimensões da quadra. “O adversário tem muita qualidade. Conheço vários jogadores. Muitos deles já trabalharam comigo. Tenho a convicção que será um jogo bastante intenso. Serão apenas os primeiros 40min. Nosso intuito está longe de ficar retraído. O pensamento é largar em vantagem”, afirma o técnico Guilhermo Verfe.

O comandante não poderá contar com Maninho que sofreu um entorse no tornozelo no jogo de volta pela semifinal contra o Paulista, no Poliesportivo. Deividi, Boni, Vini Scola, Igor Carioca e Dill tem sido a formação titular da Assoeva nos últimos jogos. O segundo quarteto tem Marcelo Giba, Darici, Torres e Tuiu. Ficam ainda a disposição, Vini Mello (goleiro reserva), Rafinha, Vagner e Vini Sapato.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome