Assoeva
Atletas realizam sessões na academia antes do mini circuito na quadra (Foto: Roni Müller/Folha do Mate)

Com atenção redobrada em relação a prevenção da pandemia do coronavírus e principalmente quanto as formas de prevenção, a Assoeva/Unisc/ALM retomou as atividades nesta semana. Para os treinos presenciais, inicialmente no período da manhã, houve a divisão em dois grupos. Elenco estará completo a partir do dia 22 com a reapresentação do goleiro Vitinho.

Na segunda-feira, 15, os jogadores passaram por uma reavaliação para a comissão técnica ter real noção em qual estágio físico os atletas retornaram.

Na quarta-feira, 17, as atividades iniciaram sob a coordenação do preparador físico Ricardo Vilasboas. Na chegada é medida a temperatura de cada atleta. A cada ciclo de atividades e as sessões na academia, os próprios atletas higienizam o material utilizado.

Atletas da Assoeva realizam sessões na academia. Na sequência tem o mini circuito na quadra. (Foto: Roni Müller)
Atletas da Assoeva realizam sessões na academia. Na sequência tem o mini circuito na quadra. (Foto: Roni Müller)

Atividades do time da Assoeva

Após o primeiro rodízio os atletas tem pela frente mais uma exaustiva bateria com um mini circuito de força, agilidade, velocidade, potência, resistência e o leve contato com bola.
Entre um intervalo e outro, os atletas respeitam o distanciamento até no momento da reidratação. A alegria pelo retorno aos trabalhos está estampado no sorriso de cada atleta.

“Foram praticamente três meses longe dos colegas. Todo cuidado ainda é pouco mas acredito que todos estão muito felizes em poder retornar as atividades. Mesmo que não são as mais normais ainda, mas poder estar aqui, trabalhar com uma parte do grupo e ver os demais colegas anima ainda mais o dia a dia, principalmente neste retorno onde vamos priorizar a parte física”, destaca Vini Scola.

Quanto aos trabalhos de uma segunda pré-temporada, o ala relata que é necessário até pelo fato da projeção das competições a partir de setembro. “Tudo indica que vamos ter nosso primeiro compromisso no Estadual no mês de agosto. Realmente tem um bom tempo até lá mas é necessário aprimorar o conficionamento físico agora porque diante dessa pandemia haverá um acúmulo de jogos e viagens quando retornarmos. Temos que atingir o nível necessário para encarar a maratona de quase uma temporada inteira dividida em apenas quatro meses”, friza o jogador.

Nesta primeira semana as atividades físicas serão em turno único, sempre no ginásio Poliesportivo. “A cada dia o ritmo aumenta. Os jogadores tiveram um acompanhamento durante o ‘recesso’ mas não tem como comparar com as atividades presenciais para se cobrar ritmo e intensidade dos atletas”, disse Vilasboas.

Na próxima semana os trabalhos passam para dois turnos. Se por ventura no decorrer dos dias houver um avanço quanto a liberação das atividades para o enfrentamento, a comissão técnica da Assoeva pretende dar início aos trabalhos coletivos até para consolidar o entrosamento dos quartetos.

No Estadual Série Ouro a Assoeva deve estrear dia 22 de agosto, no Poliesportivo, contra o BGF, de Bento Gonçalves.

Assoeva
Na chegada é verificada a temperatura de cada atleta (Foto: Roni Müller/Folha do Mate)

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome