Foto: Arquivo / Folha do MateCadú vestiu a camisa 5 do Guarani, com seriedade em campo e descontração fora dele deixou sua marca.
Cadú vestiu a camisa 5 do Guarani, com seriedade em campo e descontração fora dele deixou sua marca.

Os familiares de Eduardo Luiz Preuss, o Cadú, de 36 anos, já chegaram em Chapecó e estão acompanhando os desdobramentos da fatalidade envolvendo a queda do avião que levava a delegação da Chapecoense para a decisão da Sul-Americana, na Colômbia.

Os familiares do gerente de futebol do time catarinense devem viajar para reconhecimento do corpo e para depois encaminhar os atos fúnebres. Segundo um familiar contato pela Folha do Mate, a comunidade de Chapecó está organizando um funeral coletivo, com todas as vítimas e depois cada um se desloca para sua cidade. Após os atos iniciais, o corpo de Cadú deve ser trazido para Venâncio Aires, onde será sepultado. A direção do Guarani disponibilizou o estádio Edmundo Feix para a última despedida do ídolo rubro-negro, mas isso ainda não foi confirmado pela família.

Confira reportagem completa na edição de quarta-feira da Folha do Mate.