Tricolor foi batido pelo Furacão na Arena da Baixada, em Curitiba (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

A noite desta quarta-feira, 4, é para ser esquecida pelos torcedores do Grêmio. Jogando na Arena da Baixada, em Curitiba, no Paraná, o Tricolor foi derrotado por 2 a 0 pelo Furacão e, nos pênaltis, acabou eliminado da Copa do Brasil. Na primeira partida da semifinal, o time de Renato Portaluppi havia vencido pelo mesmo placar e podia perder por até um gol para avançar à decisão.

O primeiro gol do Athletico foi marcado aos 14 minutos do primeiro tempo, por Nikão, que aparou rebote do travessão e chutou firme, de perna direita. Na etapa final, Marco Ruben fez o segundo de cabeça, aos 6 minutos. O Grêmio teve o zagueiro Kanemann expulso e só se segurou até o apito final. A única chance foi em chute de David Braz, que a zaga jogou contra e Santos salvou.

Nas cobranças da marca da cal, todos os paranaenses acertaram. Galhardo, David Braz, Alisson e Mateus Henrique botaram a bola na rede, mas o chute do atacante Pepê parou nas mãos do goleiro atleticano. O Furacão espera o adversário na final, que saiu do duelo entre Inter e Cruzeiro.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome