Boa parte das atividades são ministradas no Edmundo Feix (Foto: Divulgação)

O Projeto Indiozinhos do Futuro temporariamente está com as atividades suspensas mas as inscrições para as crianças interessadas em fazer parte seguem abertas. Em 2020, Alex Klafke é quem coordena as aulas que praticamente movimenta a garotada de terça à sábado.

Toda a organização é da Associação Esportiva Cultural Fiel Tribo em parceria com o Esporte Clube Guarani. Ambas entidades estão engajadas no Programa Municipal de Incentivo ao Esporte Amador (Promiea). “É importante ressaltar que temos nossas faixas etárias bem divididas, a exemplo dos dias das atividades. Assim é possível dar uma maior atenção conforme a necessidade de cada aluno e categoria”, destaca o coordenador Alex Klafke.
Alunos carentes estão isentos de qualquer taxa de inscrição a exemplo de toda e qualquer mensalidade.

“Disponibilizamos jalecos e bolas para os alunos que devem assim se apresentar com o restante do material (camiseta, calção, meia e chuteira). Aqui não importa a classe social e sim a vontade maior que é jogar futebol. Fundamentos são repassados aos alunos conforme faixa etária. O aprendizado começa desde cedo e o respaldo desse trabalho está no bom número de alunos sempre presentes nas aulas. O gosto pelo esporte nesse momento fala mais alto”, disse o coordenador.

O Projeto Indiozinhos do Futuro tem as atividades nas terças-feiras com crianças dos 6 aos 11 anos. “Temos outras categorias paralelas dos 12 aos 15 anos. Todo o trabalho de base no Esporte Clube Guarani abrange ainda a categoria juvenil. São garotos onde os treinos são praticamente diários, até pelo fato do clube projetar novamente a participação no Estadual que provavelmente será desenvolvido no segundo semestre de 2020”, acrescenta Alex Klafke.

Diante da pandemia do coronavírus, as aulas estão suspensas por no mínimo 15 dias mas Alex Klafke relata que as inscrições seguem abertas. “Estamos mantendo aberto o período de inscrição até pelo fato da nossa organização em termos de números de alunos integrantes em cada categoria. O momento de refúgio serve para nossa organização e elaboração do cronograma para assim que retornarmos às nossas atividades possamos dar sequência normal ao trabalho desenvolvido até então”, completa Klafke.

Alunos com interesse em ingressar na escolinha podem manter contato com o professor Alex Klafke. “Vamos de todas as formas tentar encaixar o melhor horário para cada aluno. Nossas atividades são na maioria das vezes no Edmundo Feix e campos anexos”, reforça o coordenador.

  • Qualquer informação complementar basta contatar com o professor Alex Klafke no telefone (51) 9 9677 4479.  Para os alunos dos 6 aos 11 anos, os treinos são ministrados nas quartas-feiras e sábados pela manhã. Dos 12 aos 15 anos, as atividades são nas terças e quintas-feiras. Os treinos serão a partir das 14h.

 

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome