Sou contra injustiças seja lá onde for, mas a tecnologia do VAR está comprometendo a emoção nos jogos de futebol. Agora a cada gol assinalado se tem a expectativa frustrante de que o torcedor 1 espera que o lance seja anulado enquanto o torcedor 2 implore para que os milímetros de um impedimento sejam (ou não sejam) revisados e se confirme o gol.

Os erros pertencem ao esporte. O atleta perde gol, o goleiro falha, o zagueiro comete falta. Por que então o árbitro não pode errar? A vida é cheia de erros e acertos, não tentem complicar a ordem natural das coisas.

O futebol perdeu a graça, perdeu a dinâmica. Agora os tempos de 45 minutos tem 50, 55 minutos. Essa parafernália nos grandes estádios acabou com a emoção e nunca mais conseguiremos voltar atrás, ter aquela essência que há pouco tempo tínhamos no futebol. Queria não ter visto essa mudança no esporte que mais admiro.

Pela TV vou ver basquete, vôlei, pádel e tênis, onde há muito mais dinamismo. Vou assistir a futebol pelos campos do interior onde ainda não há essa tecnologia, ao menos por enquanto. Tudo muito perfeito se torna chato. Temos defeitos, nossas mulheres têm, nossos filhos têm, nossos pais têm, e gostamos deles mesmo assim. Suspendam essa chateza, chatice, chatura de VAR e tragam de volta o futebol raiz.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome