Cobrança de tarifa nos novos pedágios da RSC-287 começa em setembro

-

A concessionária Rota de Santa Maria, do Grupo Sacyr, responsável pela manutenção e duplicação dos 204,5 quilômetros entre Santa Maria e Tabaí, anunciou que os novos pedágios na RSC-287 começam a operar em setembro. Com isso, estarão funcionando as cinco praças de pedágio previstas no plano de concessão à iniciativa privada. Será aproximadamente uma praça de pedágio a cada 50 quilômetros.

Além disso, com o avanço das obras e a partir do início da cobrança nas praças de pedágio, devem ser abertas novas vagas de emprego. A intenção é anunciar essas oportunidades a partir de junho. O tema foi destacado pelo diretor-geral da concessionária, Renato Bortoletti, durante participação, ontem, no programa jornalístico Terra em Uma Hora, da Rádio Terra FM.

No momento, estão em fase de implantação as praças de pedágio de Taquari, de Paraíso do Sul e de Santa Maria. Elas irão se somar às praças já existentes, que ficam em Vila Arlindo, em Venâncio Aires, e em Candelária. Segundo o estabelecido no contrato da concessão, a empresa deve recuperar o trecho antes de começar a cobrança. O trecho da rodovia entre Santa Cruz do Sul e Venâncio Aires é considerado como o que necessita de mais reparos.

O trecho local ficou para a etapa final de recuperação em função do grande fluxo de veículos nessa área. Até setembro, existe a expectativa de estarem concluídas as obras de reparos e melhorias nos desníveis entre a rodovia e o acostamento. Segundo a Rota de Santa Maria, também estão sendo feitas no momento as raspagens no asfalto, para diminuir as ondulações e, consequentemente, os riscos de acidentes.

O Serviço de Atenção ao Usuário (SAU) também foi ampliado, com acréscimo de ambulâncias e guinchos, além de veículos de inspeção que rodam na 287 durante 24 horas. Embora nesse primeiro ano de concessão as melhorias estabelecidas em contrato necessitem ser apenas paliativas, a partir do segundo ano as intervenções precisam ser completas em trechos mais críticos do trajeto.

Além da recomposição de piso, quando necessário, a empresa atua com intensidade na limpeza da rodovia e do espaço ao redor. A meta é eliminar todas as zonas de risco e, por isso, serão colocados cerca de 200 quilômetros de cercas para delimitar as áreas das propriedades com a rodovia. Até setembro, é intenção pintar 100% da RSC-287. A concessionária Rota de Santa Maria assumiu a 287 no fim de agosto de 2021, após publicação no Diário Oficial do Estado.

Venâncio Aires

• Uma das novidades são as melhorias realizadas e em fase de implantação no pedágio de Venâncio Aires. A concessionária passou a oferecer uma pista exclusiva para a passagem de quem possui cobrança automática também no sentido Santa Cruz do Sul/Venâncio Aires. Com isso, as pistas 2 e 6 passaram a ser exclusivamente cabines para cobrança manual.
• Até setembro, o pedágio de Vila Arlindo passará de seis para oito cabines de cobrança. Renato Bortoletti destacou que desde o início da concessão, o número de usuários que usam a cobrança automática na praça local passou de 20% para quase 30%. O objetivo é chegar a 60%.
• A partir do terceiro ano de concessão está previsto o início das obras de duplicação propriamente ditas, com em trechos urbanos de Venâncio Aires e Santa Cruz do Sul. Uma das medidas iniciais de intervenção será a reformulação do trevo principal da Capital do Chimarrão.

Emergências

• Casos de pane mecânica e pré-hospitalar precisam ser informados a partir do número 0800 1000 287.

• O tempo de resposta está em 20 minutos. Para facilitar o monitoramento da rodovia estão em fase de implantação torres de comunicação com câmeras de videomonitoramento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes