A Prefeitura recebeu nesta semana autorização da Câmara de Vereadores para realizar diversas contratações emergências objetivando o início do ano letivo nas escolas municipais, agendado para 19 de fevereiro. Os projetos de lei, para contratação emergencial de educadores, foram aprovados por unanimidade.

A sessão ordinária da terça-feira, 14, foi a última antes do recesso que inicia hoje e segue até final de fevereiro. O trabalho normal do Legislativo será retomado em março, com a primeira reunião marcada para dia 3. Um total de treze projetos de lei foram aprovados pelos vereadores, liberando a pauta.

Quatro propostas trataram de contratações de profissionais para atuar nas escolas da rede municipal: um Monitor de Escola (formação em Libras – Língua Brasileira de Sinais); até 25 Monitores de Escola; três professores na Educação Infantil e dois no Ensino Fundamental – Anos Iniciais -; três professores de Educação Física, Ensino Infantil e Fundamental.

VETERINÁRIO

Após uma semana de avaliação nas comissões de estudo os vereadores aprovaram o projeto de contratação emergencial de um médico veterinário, tendo em vista as férias do profissional concursado.

APROVADOS

  • Projeto 99/2019: cobrança da Taxa Localização (MEIs)
  •  01/2020: contratação de Veterinário
  •  012/2020: convênio União (aquisição escavadeira)
  • 013/2020: crédito suplementar
  • 014/2020: incentivo industrial
  • 015/2020: contratação professores
  •  016/2020: contratação professores
  •  017/2020: contratação Monitor de Escola
  • 018/2020: Monitor de Escola (formação Libras)
  • 019/2020: extinção de cargo e ampliação número no cargo de Enfermeiro
  • 020/2020: contratação Fiscal sanitário e Ambiental
  •  021/2020: contratação de Auxiliar em Saúde Bucal
  • 022/2020: cria Conselho Municipal de Direitos da Pessoa Idosa

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome