Durante os 11 dias da 13ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim), foram consumidos 3,5 mil quilos de erva-mate, 21,5 mil litros de água quente e, além disso, foram utilizados 21 botijões de gás para esquentar a água para o chimarrão. Os números foram divulgados na noite deste domingo, 11, pelo diretor executivo da Escola do Chimarrão, Pedro José Schwengber.

Foto: Edemar Etges / Folha do MateEscola do Chimarrão foi a responsável pela distribuição da erva-mate
Escola do Chimarrão foi a responsável pela distribuição da erva-mate

Em relação à edição anterior do evento, o consumo, segundo Schwengber, foi um pouco superior. Na festa de 2012, foram consumidos 3,4 mil quilos de erva-mate, 18 mil litros de água quente e 29 botijões de gás. Ainda segundo o diretor executivo, os números não são maiores em função do mau tempo verificado no primeiro domingo da feira, 4, quando somente três mil visitantes adentraram o Parque Municipal do Chimarrão. A erva foi fornecida pelas ervateiras de Venâncio Aires.