Meta da Prefeitura de Mato Leitão é investir R$ 106 milhões até 2025

-

A Administração de Mato Leitão apresentou o Plano Plurianual (PPA) 2022-2025. A ação aconteceu em audiência pública realizada no Legislativo e coordenada pelo prefeito Carlos Bohn (PSDB). No encontro, foram apresentados investimentos projetados para os próximos quatro anos, principalmente nas áreas de saúde, infraestrutura, educação e segurança pública.

O prefeito destacou que foi preparado um plano contundente e diferenciado. A meta foi, novamente, apresentar projetos que garantam investimentos nas mais diferentes áreas de Mato Leitão. Agora, o PPA segue para o Legislativo e os vereadores terão 30 dias para analisar o projeto.

Fique por dentro

• Empresariado: Para o desenvolvimento empresarial, está previsto investimento superior a R$ 3,9 milhões em quatro anos, no apoio e incentivos para indústrias, agroindústrias, comércio e serviços. Parte deste orçamento deve ser utilizada na continuidade da estruturação da área industrial, que fica às margens da RSC-453. Bohn anunciou que as tratativas estão avançadas para a instalação da quinta empresa. “Existia a expectativa de que o projeto de lei para viabilizar a empresa na área industrial pudesse já iniciar a tramitação no Legislativo, mas faltaram detalhes técnicos”, destacou o prefeito. Ele estima que a área industrial já proporcione 120 empregos diretos e outros 170 indiretos. Também estão previstos investimentos em energia elétrica, internet e telefonia.

• Infraestrutura: A Administração quer investir em pavimentações. A intenção é avançar com o projeto da cidade para o interior. A prioridade inicial é fazer o capeamento asfalto da rua das poliédricas, via que liga o Centro com o distrito de Vila Santo Antônio. A intenção é também ampliar os passeios públicos, construção de ciclovia, ciclofaixa e caminhódromo. Ainda consta no projeto a aquisição de veículos e máquinas. Dentro do grande projeto de infraestrutura, está a edificação, até 2022, do Centro Administrativo Municipal. “A grande meta é concluir o prédio até o próximo ano”, anunciou o prefeito Carlos Bohn. Também está prevista a construção de pavilhão no parque de máquinas.

• Capelas mortuárias: A curto prazo, a Prefeitura de Mato Leitão quer construir capelas mortuárias (necrotérios) em Vila Santo Antônio, além de manter no mesmo distrito o Cemitério Municipal.

• Educação: Além de investir na construção de prédios escolares para a rede municipal de ensino fundamental e infantil, a Prefeitura quer também edificar arquibancada na pista atlética em Vila Santo Antônio.

• Turismo: Para o fortalecimento e desenvolvimento do turismo, as medidas ficam concentradas no cultivo da orquídea. Está previsto o apoio na realização de eventos turísticos, em especial da nova edição da Festa das Orquídeas, em 2023, e a criação de orquidário turístico.

• Rural: Para o meio rural, a intenção é manter, entre outros projetos, silos secadores, assistência técnica e extensão rural, desenvolvimento do associativismo, melhoria das vias de acesso rural, serviços de máquinas, melhoramento da produção animal e vegetal e vale-incentivo aos agricultores.

• Saneamento: Promover a perfuração de poços de água, construir reservatórios, cisternas e redes de abastecimento água e esgotamento sanitário, por meio da construção de unidades de tratamento sanitário.

• Saúde: É meta permanecer na assistência farmacêutica e no financiamento da atenção primária, mas também ampliar o prédio da Unidade Básica de Saúde (UBS) Central.

• Segurança: Até 2025, o governo de Carlos Bohn pretende investir R$ 2,3 milhões na área. Um dos projetos consiste em ampliar o sistema de videomonitoramento. A ideia é passar para quatro câmeras. Também está inclusa neste valor a manutenção do policiamento e preservação da ordem pública, serviços de iluminação e conservação do prédio da Brigada Militar.

• Patrimônio cultural: Para promover a conservação e restauração do patrimônio histórico, artístico e cultural de Mato Leitão, o Governo apoia a manutenção de biblioteca e museu municipal e restauração de casas e prédios antigos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes