IFSul realiza primeira formatura de curso superior nesta sexta-feira

-

Amanhã, às 19h30min, ocorre a primeira formatura de curso superior do Instituto Federal Sul-rio-grandense (IFSul) de Venâncio Aires. O curso de Formação Pedagógica para Graduados não Licenciados formará 23 alunos pelo polo da Capital do Chimarrão e 13 alunos do polo de Sobradinho. A cerimônia será transmitida pelo canal do IFSul Venâncio Aires no YouTube.

A chefe de gabinete da direção-geral do campus de Venâncio Aires, Danielle Schweickardt, explica que o curso aconteceu totalmente a distância e foi feito em parceria com o sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB). Serão duas turmas que concluirão a formação na cerimônia on-line. “Nos reunimos com os alunos e responsáveis pelo curso e decidimos fazer esse encerramento de forma virtual. Ficar postergando isso seria complicado”, comenta Danielle. Além disso, esse será o primeiro momento de formatura on-line de toda rede IFSul.

Danielle esclarece que, no momento, os alunos estão finalizando os trabalhos de conclusão do curso (TCC), para receberem a licenciatura. “Todos os alunos do curso já são graduados e buscavam esse complemento na sua formação”, observa. Participam do curso professores que atuam no IFSul, além de profissionais que trabalham na rede municipal e estadual de ensino de Venâncio e de outros municípios.

Apesar do curso já ter sido preparado para ser EAD, Danielle comenta que a pandemia afetou as gravações das aulas dos professores, que se deslocavam até o polo de ensino, bem como os estudantes, que não puderam ter as tutorias no formato presencial.

Formando

Jean Marcos da Silva, 30 anos, é um dos servidores do IFSul que integra a turma de formandos. Silva atua há três anos e meio no campus e é professor da área de Gestão e Negócios. Ele considera que a capacitação foi um ganho para sua atuação como professor. “Aprendemos a ser professor de diferentes maneiras. O conhecimento teórico adquirido foi importante para minha formação como profissional e educador”, afirma.

Durante os mais de dois anos de duração do curso, Silva enfatiza a proximidade que os estudantes tiveram com escritores da área e pessoas renomadas da educação. Para o momento da formatura, o professor espera que seja um marco para o fechamento deste ciclo. “Não foi um período fácil, embora as aulas fossem on-line, contávamos com situações presenciais, como o estágio com estudantes, que teve de ser feito também de forma on-line”, completa.

O professor acrescenta que o curso foi responsável por introduzir leituras importantes na área da educação, como as do psicólogo Vygotsky. “Me provocou um olhar para perceber que o estudante é um sujeito em movimento, que está em constante aprendizagem. Mostrou ferramentas didáticas que passei a usar em minhas aulas. Tivemos disciplinas que mostraram a importância de uma didática baseada na construção do material didático pelo próprio professor”, explica.

Após as experiências do curso, o professor conta que passou a trabalhar deste modo com uma das turmas que já lecionava no campus. “Elaborei um caderno de reflexões sobre minha disciplina e notei um engajamento ativo dos meus estudantes para consultarem o material como fonte de aprendizagem”, observa Silva. Toda a vivência que teve durante o curso inspirou o professor a escrever um livro, com a temática da disciplina de Gestão e Empreendedorismo, que é a área que ministra no IFSul campus Venâncio Aires.

LEIA MAIS:

notícias educação Folha do Mate

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes