Telhado danificado acarretou na interdição do prédio em 2018 (Foto: Débora Kist/Folha do Mate)

Quase um ano depois de um temporal destruir parte de um prédio da Escola Estadual Wolfram Metzler, de Venâncio Aires, as obras de reforma parecem mais próximas de virar realidade. Isso porque, nesta segunda-feira, 19, o prefeito Giovane Wickert, durante agenda em Porto Alegre, esteve com o secretário de Obras e Habitação do Rio Grande do Sul, José Stédile, para debater a demanda da escola.

Secretário de Obras, José Stédile, recebeu Giovane Wickert nesta segunda, 19 (Foto: Divulgação)

No encontro, o secretário confirmou o valor de R$ 238.720.58 e assinou o documento que possibilita o início dos trabalhos de recuperação da estrutura. Desde o dia 31 de outubro do ano passado, o local está interditado, após sofrer com a chuva e o vento que destruíram o telhado do prédio onde ocorriam as aulas de tempo integral. De lá para cá, a escola teve que encontrar outros espaços para cerca de 80 estudantes das turmas de 1º a 4º anos.

Segundo a diretora da Wolfram, Deise Hickmann, o início da obra dependerá de algumas etapas no projeto para realmente começar. “Depois dessa assinatura ainda tem umas 5 ou 6 etapas. Cada uma tem levado em torno de 10 dias, então acredito que dentro de dois meses deve começar”, projeta.

Conforme matéria publicada pela Folha do Mate em abril deste ano, a partir de informações da 6ª Coordenadoria Regional de Obras Públicas (Crop), não houve licitação para obra, já que foi considerada urgente, e por isso foi feita apenas a coleta de preço.

Na época também já havia a definição da empresa que fará a obra, a DA Engenharia, do município gaúcho de Sertão. “Agora depende da empresa assinar a ordem de serviço. Mas espero que eles comecem o quanto antes”, destacou o prefeito Giovane Wickert. Do prédio interditado, haverá a troca da cobertura e da parte elétrica.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome