Polícia do Rio Grande do Sul registrou 24 mortes violentas no fim de semana. Até o começo da manhã desta segunda-feira eram 16 homicídios e oito mortes no trânsito. Nenhum dos casos foi registrado em Venâncio Aires.

Foto: Alvaro Pegoraro / Folha do MatePolícia terá trabalho para esclarecer os crimes
Polícia terá trabalho para esclarecer os crimes

 Na região foram três mortes. Em Vale Verde, na localidade de Buraco Fundo, um homem de 49 anos foi atropelado, por volta das 22h30min do sábado. José Rene Borges Flores foi atingido por uma moto que participava de um racha e era pilotada por um adolescente, de 14 anos.

A vítima e o jovem foram encaminhados ao Hospital São Sebastião Mártir (HSSM), onde Flores faleceu domingo à tarde. O adolescente foi atendido e não se encontra mais no HSSM. O outro envolvido no racha fugiu.

Em Vera Cruz, na manhã de domingo, moradores encontraram uma vítima de execução. O corpo de Rafael Helfer, 30 anos, foi encontrado na localidade de Coxilha Mandeli, quase divisa com Candelária. Helfer estava com as mãos e pés presos com fita adesiva.

Segundo a polícia, próximo ao corpo foi encontrado um estojo de fuzil. A suspeita é de que ele tenha sido executado com cerca de dez tiros.

A terceira morte foi na localidade de Linha Boa Esperança, interior de Paverama. O crime aconteceu durante uma festa onde se encontravam cerca de 600 pessoas. Os seguranças tentavam tirar do salão um homem que havia brigado, quando este sacou uma arma e começou a dar tiros.

Uma das ‘balas’ atingiu Paulo Roberto dos Santos, 36 anos, que morreu no local. Também ficaram feridas uma mulher, de 20 anos, e dois homens, de 21 e 44 anos. O atirador fugiu.