Presidente da cooperativa, Petry apresentou a iniciativa na manhã de terça-feira, em encontro com a imprensa regional (Foto: Juliana Bencke/Folha do Mate)

Nove municípios da região com agências da Sicredi Vale do Rio Pardo poderão ter projetos contemplados com recursos do Fundo Social da cooperativa. Neste ano, serão R$ 306.318,00 destinados a iniciativas de educação, cultura, esporte, segurança e meio ambiente. As inscrições para entidades interessadas em buscar os recursos se encerram dia 31.

O lançamento do Fundo Social está entre as principais ações do centenário da Sicredi, comemorado em 21 de setembro. Anualmente, a partir de 2019, a cooperativa vai destinar 2% das sobras líquidas do exercício anterior para o fundo, o qual beneficiará entidades da região.

Com duas agências da Sicredi, Venâncio Aires é o segundo município com maior orçamento do fundo, atrás, apenas de Santa Cruz do Sul. Neste ano, estão disponíveis R$ 66.431,26 para projetos da Capital Nacional do Chimarrão.

De acordo com o presidente da Sicredi Vale do Rio Pardo, Heitor Álvaro Petry, a iniciativa tem o objetivo de estruturar apoios que a cooperativa já realizava. “O Fundo Social vem consolidar e ampliar nossas ações no âmbito social para contribuir com o desenvolvimento regional, em apoio e parceria com entidades que prestam relevantes serviços”, destaca, ao observar a importância das ações sociais. “Não tem como sobreviver sem o aspecto econômico, mas uma cooperativa que não faz a parte social perde a razão de existir”, enfatiza.

COMO PARTICIPAR

1 As inscrições de projetos ocorrem até 31 de julho. A avaliação será 1º a 31 de agosto e a entrega dos recursos deve ocorrer entre setembro e outubro.

2 Podem participar entidades sem fins lucrativos com, no mínimo, um ano de CNPJ.

3 Cada entidade poderá encaminhar, no máximo, dois projetos por ano e a concessão dos recursos fica limitada a R$ 10 mil por entidade.

4 As inscrições e o regulamento estão disponíveis pelo site do Fundo Social da Sicredi. Informações também podem ser obtidas nas agências da cooperativa.

EXEMPLOS DE PROJETOS

– Projetos educacionais: ampliação do acervo de bibliotecas, materiais didáticos, móveis, equipamentos, utensílios e melhoria de estruturas, projetos de cooperativas escolares e projetos de inclusão social.

– Projetos culturais: atividades coletivas que desenvolvam o folclore, a música, o teatro, a dança, a pesquisa e a histórica local.

– Projetos esportivos: atividades destinadas à inclusão social de crianças e jovens até 18 anos.

– Projetos de segurança: apoio a ações voltados à segurança pública.

– Projetos ambientais: ações destinadas à reciclagem, preservação e conservação dos recursos naturais.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome