Reportagem percorreu 18 postos de combustíveis do município (Foto: Marcello Casal jr/Agência Brasil)

No levantamento realizado pela reportagem da Folha do Mate, em 18 postos de combustíveis de Venâncio Aires, foi possível identificar que o litro da gasolina comum e aditivada está mais em conta para o bolso do motorista. Na pesquisa mensal, realizada ontem, foi constatado que os valores médios cobrados para a gasolina comum e aditivada, à vista, são de R$ 4,600 e R$ 4,701, respectivamente.

Em comparação com o último levantamento, realizado na primeira quinzena de agosto, nos mesmos estabelecimentos comerciais, o preço médio do litro da gasolina comum, à vista, caiu R$ 0,056. A aditivada caiu R$ 0,047.

No levantamento, o valor mais baixo encontrado foi de R$ 4,499 para o litro da gasolina comum e R$ 4,599 para o litro da gasolina aditivada. Enquanto os valores mais elevados encontrados do litro da gasolina comum foi de R$ 4,680 e da gasolina aditivada foi de R$ 4,780.

TANQUE CHEIO

Para encher um tanque de 50 litros de gasolina comum levando em conta o preço médio (R$ 4,600), o consumidor desembolsa R$ 230. A queda em relação ao levantamento anterior é de R$ 0,75. Para o caso da gasolina aditivada, cujo valor médio cobrado é de R$ 4,701, o consumidor precisa pagar R$ 235,05.

PETROBRAS AUMENTA PREÇO DA GASOLINA NAS REFINARIAS

A Petrobras elevou, ontem, o preço médio da gasolina em suas refinarias em 0,0223 real por litro e o do diesel em 0,0525 real por litro, informou a estatal, em seu site. Os repasses dos reajustes aos consumidores finais, nos postos, dependem de diversas variáveis, como margens de distribuidoras e revendedoras, tributos e mistura de biocombustíveis.

A Petrobras calcula os preços das refinarias baseando-se nos mercados internacionais, levando em conta que os combustíveis derivados de petróleo são commodities.

Na semana passada, o preço médio da gasolina nos postos do país ficou em R$ 4,303, ante R$ 4,320 na semana anterior, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Já o valor do diesel caiu para R$ 3,516 ante R$ 3,528 na semana anterior.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome