Água invadiu a padaria, localizada na ERS-130, em Vila Mariante (Foto: Euclides Kummer/ Divulgação)

Euclides Kummer tem 52 anos e há 20 mora em Vila Mariante, distrito de Venâncio Aires que foi atingido pela maior cheia do Rio Taquari dos últimos 64 anos. Segundo ele, que é proprietário da padaria Tri Bom, no 2º Distrito, a água chegou a quase 1 metro de altura dentro do estabelecimento localizado à margem da ERS-130.

Conforme o comerciante, quem mora na região já costuma se precaver, no entanto, desta vez, a cheia surpreendeu a todos. “Ninguém acreditou que viria tão alta. A surpresa foi muito grande”, frisa. Além dos prejuízos com motores de refrigeradores, balcões e alimentos, ainda não calculados, o comerciante, teve parte do muro de concreto da residência levada pela correnteza da água. 

Após o susto, o fim de semana foi dedicado à limpeza e organização. A padaria voltou a funcionar, no entanto, ainda há bastante sujeira na estrada. Conforme ele, o sentimento em Mariante ainda é de tristeza, mas é preciso seguir em frente. “A gente já estava enfrentando a crise da seca, depois veio a Covid, agora essa enchente. Tudo começa a ficar um pouco difícil, mas somos brasileiros e vamos enfrentar mais essa, se Deus quiser”, relatou Kummer, na manhã deste domingo, à reportagem da Folha do Mate.

Segundo ele, a solidariedade da comunidade venâncio-airense e o auxílio da Defesa Civil foram fundamentais neste momento. “O povo aqui é bem guerreiro, e a solidariedade é muito grande”, destacou.

Após o nível baixar e a limpeza ser realizada, padaria voltou a funcionar (Foto: Euclides Kummer/ Divulgação)
Com a força da água, parte do muro de concreto da residência foi levada pela correnteza da água (Foto: Euclides Kummer/ Divulgação)

Vídeo gravado por Euclides Kummer, na quinta-feira, 9, mostra os estragos na padaria e a força da correnteza. Gravação tem mais de 65 mil visualizações, no Facebook:

Publicado por Euclides Kummer em Quinta-feira, 9 de julho de 2020

Vídeo gravado por Euclides Kummer, às 5h da manhã da quinta-feira, 9 de julho:

Publicado por Euclides Kummer em Sábado, 11 de julho de 2020

Estiagem

No fim de março deste ano, Euclides registrou cenas da estiagem que afetou o nível do Rio Taquari. As imagens, segundo ele, foram gravadas durante um passeio de quadriciclo, entre Mariante e a localidade de Itaipava das Flores. “É quase inacreditável. Meses depois e vemos uma enchente como essa”, disse.

andando no leito do rio taquari, entre Mariante e Itaipava das flores, triste de ver a estiagem…

Publicado por Euclides Kummer em Domingo, 29 de março de 2020

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome