Diego Barden dos Santos detalhou o regulamento do concurso. (Foto: Edemar Etges/Folha do Mate).

Divulgar e experimentar tecnologias de produção para as lavouras da região, buscando integrar entidades parceiras, empresas e produtores de sementes de milho, no intuito de valorizar e melhorar a produção agrícola. É o propósito da primeira edição do Concurso de Silagem de Milho, lançado quinta-feira, 1º, durante a reunião do Grupo do Leite de Venâncio Aires, no salão do Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR).

O técnico agrícola do escritório municipal da Emater/RS-Ascar, Diego Barden dos Santos, detalhou a maneira como será trabalhado o concurso e o regulamento. Segundo ele, concurso ainda pretende aumentar e incrementar a produção de silagem de milho no município, que atualmente é muito baixa e facilitar para as sementeiras para que tenham conhecimento de quais as variedades do cereal que são viáveis e se adaptam melhor em cada região do município.


“A silagem é uma maneira de trazer o milho para dentro de casa.”

DIEGO BARDEN DOS SANTOS – Técnico agrícola do escritório municipal da Emater/RS-Ascar


“O concurso também pretende qualificar todo o processo de produção de silagem de milho, que vai desde o plantio até o ensilamento, para desta maneira, o produtor obter resultados mais positivos em relação aos alcançados no momento”, reforçou o assistente técnico em Bovinocultura de Leite da Emater/RS-Ascar, Vivairo Zago.

AVALIAÇÃO

O coordenador técnico comercial da empresa Cargill, Fabiano Terra, detalhou como avaliar a silagem de milho – grão e matéria seca e explicou quais os nutrientes que precisam constar numa silagem para as vacas atingirem o máximo de produção de leite.

SAIBA MAIS

  • Os realizadores do concurso são o escritório municipal da Emater/RS–Ascar, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e o Grupo de Produtores de Leite de Venâncio Aires.
  • Os resultados finais da avaliação das silagens de milho dos participantes serão divulgados durante a II Agro Feira, programada para o mês de maio de 2020, no Parque Municipal do Chimarrão.
  • No final da reunião, foram sorteados diversos sacos de sementes de milho fornecidos pelas dez empresas apoiadoras do evento.
  • O milho destinado para o concurso da silagem deverá ser plantado somente a partir do próximo mês de setembro.

REGULAMENTO

  • Os produtores que participarão do concurso precisam ter análise de solo da área onde será implantada a lavoura de milho;
  • As lavouras que participarão do concurso estão sujeitas as recomendações de adubação de solo e manejo da cultura conforme recomendado pela Emater/RS – Ascar, Secretaria da Agricultura de Venâncio Aires e Comissão Julgadora;
  • Todas as adubações, manejo da cultura, tratos culturais e aplicações de defensivos serão registradas;
  • As empresas fornecedoras de semente de milho podem realizar doações de sementes para serem sorteados entre os produtores inscritos e selecionados conforme item 1, 2 e 3;
  • Os produtores, as empresas e entidades parceiras são fiscais de todo o processo de implantação, manejo e colheita da cultura;
  • Os produtores habilitados a participar do concurso podem participar por livre opção, mesmo não recebendo semente de milho pelo sorteio. Para isso, serão avaliadas as variedades milho que o produtor escolher para plantar em suas lavouras;
  • As amostras de silagem serão coletadas no momento da confecção das silagens, no ponto de corte adequado;
  • As amostras das silagens de milho que estão participando do concurso serão encaminhadas para laboratório credenciado e de confiança da comissão julgadora;
  • As categorias de julgamento serão: quantidade de matéria seca por hectare, qualidade e tamanho de partículas;
  • Regulamento detalhado será entregue para participantes posteriormente;
  • Os casos omissos neste regulamento serão encaminhados à comissão julgadora.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome