STR homenageou as agroindústrias familiares com café da manhã. (Foto - Edemar Etges/Folha do Mate).

Foi lançada ontem, no Brasil, a Década da Agricultura Familiar. Para marcar a data em âmbito municipal, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais (STR) de Venâncio Aires promoveu um café da manhã com representantes das agroindústrias familiares do município, que têm a participação em feiras e eventos intermediada pelo sindicato, sendo as principais a Expointer e a Expoagro Afubra.

“Produzir alimentos é o foco da agricultura familiar e, como reconhecimento por vocês exporem seus produtos e divulgarem Venâncio Aires, resolvemos confraternizar, conversar e trocar ideias com vocês”, frisou o presidente do STR, Cláudio Fengler, ao saudar os empreendedores familiares.

“Vocês são os guerreiros que estão investindo e produzindo nas suas agroindústrias e sabemos das dificuldades que todos os agricultores familiares enfrentam hoje”, endossou o tesoureiro, Gilmar de Rodrigues Oliveira

O vice-prefeito Celso Krämer colocou que muito se aprende ao participar de qualquer feira e ao mesmo tempo, se divulga o município. Salientou que o atual governo municipal está muito focado no fortalecimento da agricultura familiar com o desenvolvimento de diversos programas.


“A recepção foi para valorizar o trabalho de vocês e mostrar para a sociedade a importância que ele tem.”

GILMAR RODRIGUES DE OLIVEIRA – Tesoureiro do STR de Venâncio Aires


EMATER

A secretária do STR, Sandra Wagner, destacou o papel do escritório municipal da Emater/RS-Ascar na organização das agroindústrias e dos agricultores familiares. E este trabalho faz com que os proprietários acreditem no potencial de produção de seus empreendimentos. Sandra ainda fez referência ao trabalho da Cooperativa de Produtores de Venâncio Aires (Cooprova), que com as feiras, também ajuda a divulgar os produtos das agroindústrias e dos agricultores familiares. “Temos um campo aberto e muito ainda a crescer”, salientou.

O chefe do escritório municipal e engenheiro agrônomo, Vicente Fin, frisou que não faltam políticas públicas para a agricultura familiar. “Existem muitas. Talvez elas não estejam adequadas. É preciso pensar políticas públicas que realmente atendam as necessidades dos agricultores familiares”, destacou. Fin defendeu que uma das políticas públicas a ser implantada em Venâncio Aires é o transporte coletivo por parte do Município quando tem exposições e levar os participantes. Alertou que algumas coisas precisam ser revistas pois desde o ano de 2010 até 2019, o município perdeu 13 agroindústrias familiares.

Fin referendou o trabalho iniciado há mais de 30 anos pela extensionista de Bem-Estar Social Maria Emília Colombo, no fomento dos empreendimentos familiares. Lembrou do trabalho do deputado federal Heitor Schuch (PSB), em 2006 – na época deputado estadual, que visitou as agroindústrias para saber das dificuldades enfrentadas pelos empreendedores.


“A Emater sempre teve a ciência da importância das agroindústrias familiares.”

SANDRA WAGNER – Secretária do STR de Venâncio Aires


DEPOIMENTOS

Em seus depoimentos, os empreendedores familiares foram unânimes em afirmar a importância que tem a participação em feiras e eventos de nível regional e estadual, como a Expointer e a Expoagro Afubra. O proprietário da Agroindústria de Mel Schwendler, de Linha Harmonia da Costa, Edson Schwendler, colocou que no ano passado conquistou o terceiro lugar no concurso de mel da Expointer e que este ano, com base no que viu dos outros apicultores, se preparou e conquistou o primeiro lugar.

Estreante na Expointer, Ledi Maggioni, de Linha Arroio Grande, afirmou que tinha um certo receio em participar da feira, porque seu produto, que são as cucas, são mais perecíveis, logo não tem muitos dias de durabilidade. “Estou muita satisfeita com a primeira participação e já estou me preparando para o próximo ano”, confirmou.

Os demais endossaram as afirmações de Ledi e de Schwendler e se colocaram à disposição para representarem o município em eventos e feiras regionais e estaduais. Aproveitando a presença do vice-prefeito Celso Krämer, sugeriram que seja criado um banner com as principais atrações turísticas de Venâncio Aires e que o mesmo seja exposto nos estandes durante as feiras, como forma de divulgar o potencial turístico do município.

SAIBA MAIS 

  • Das 42 edições da Expointer, em 21 teve a participação da agricultura familiar.
  • No ano de 2003, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag), iniciou a reestruturação das agroindústrias familiares do estado, onde Venâncio Aires já era referência no estado.
  • No ano de 2012, o Governo do Estado lançou o Selo Sabor Gaúcho, que comprova a qualidade dos produtos que são comercializados.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome