A diretora-geral da Câmara de Vereadores, Maria Lovane Ribeiro Fischer observa que, para os nomeados no concurso público a ser realizado pela Casa, será pago, mensalmente, o valor respectivo de cada cargo, estipulado na lei que trata do quadro de funcionários do Legislativo, além de vantagens funcionais como horas extras, adicional noturno; férias; gratificação natalina e; inscrição no Regime Próprio do Município. A carga horária 40 horas semanais.

O item que cita férias e gratificação natalina proporcionais e indenizadas ao final do contrato, como foi publicado na edição de ontem, se refere às informações do edital do processo seletivo simplificado, que contratou profissionais temporariamente até a nomeação dos concursados e, portanto, não está no edital do concurso público a ser realizado.

As inscrições começaram ontem e seguem até o dia 11 de junho, e podem ser feitas de segunda à sexta-feira, das 8h às 11h e das 14h às 16h, na Câmara de Vereadores. O Legislativo fica localizado na rua Júlio de Castilhos, 325. Lovane observa que o dia da prova, bem como o local ainda não estão definidos, mas serão divulgados em breve.

Serão ofertadas seis vagas, sendo uma para motorista, outra para serviços gerais e quatro para auxiliar legislativo. O valor de inscrição varia de acordo com a vaga buscada. A taxa para os interessados a concorrer as vagas de auxiliar Legislativo e motorista é de R$ 50, para serviços gerais é de R$ 30. Não será permitida a inscrição para mais de um cargo.