Nesta nova etapa, rua Getúlio Vargas receberá uma parada inteligente (Foto: Ana Carolina Becker/Folha do Mate)

Depois de uma série de adequações internas no projeto, a Prefeitura de Venâncio Aires anuncia novo cronograma de instalação das próximas paradas inteligentes. Além disso, duas também tiveram localização alterada. A informação é da secretária municipal de Planejamento e Urbanismo, Jalila Böhm Heinemann, em entrevista na Terra FM.

Jalila informou que a partir de acordo com a responsável pelo investimento, a empresa venâncio-airense HS Manutenção Industrial, serão instaladas duas por mês. Em março serão entregues duas e em abril as duas restantes. Com isso, todas as cinco unidades previstas terão sido contempladas.

Duas paradas tiveram seu local alterado. Uma passou da rua Tiradentes, em frente à RGE, para a rua Getúlio Vargas. Já outra, apesar de ainda não oficializado, mas em tratativas, deve mudar da rua Tiradentes, proximidades da esquina com a rua 13 de Maio, para a rua 15 de Novembro.

As demais unidades permanecem com localização inalterada. “As novas localizações das paradas foram pensadas a partir de pedidos da comunidade e para contemplar, de fato, um maior número possível de usuários do transporte público de Venâncio Aires”, informa Jalila. “Questões técnicas também foram levadas em consideração para a escolha dos novos pontos”, acrescenta a secretária.


“As duas próximas unidades serão instaladas na Getúlio Vargas e na General Osório.”

JALILA BÖHM HEINEMANN – Secretária de Planejamento e Urbanismo


LOCALIZAÇÃO 

– Rua General Osório, próximo ao supermercado Dobom
– Rua Getúlio Vargas, próximo da esquina com a rua Osvaldo Aranha
– Avenida Ruperti Filho, próximo da esquina com a rua Jacob Becker
– Rua 15 de Novembro, próximo da esquina com a rua Júlio de Castilhos
– Rua Tiradentes, na Praça da Matriz (já instalada)

O ACORDO

  • Pelo acordo, medidas envolvendo a edificação da base estão a cargo da Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, enquanto que o restante é de responsabilidade da empresa.
  • A instalação é uma forma de compensar a quitação de incentivos industriais que a HS Manutenção recebeu ao longo de 2012. Para evitar que a empresa devolvesse um terreno repassado pela Prefeitura, foi estabelecida esta contrapartida.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome