Um dos pontos turísticos mais visitados em Venâncio Aires é a Figueira Centenária, em Vila Deodoro (Foto: Alvaro Pegoraro/Folha do Mate)

Os roteiros turísticos de Venâncio Aires ganham cada vez mais visibilidade regional. Em meio ano o número de visitantes cresceu 270% em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados, pela primeira vez observados em série, são do Departamento Municipal de Turismo de Venâncio Aires.

No primeiro semestre mais de 3,5 mil pessoas visitaram pontos como a Figueira Centenária e o Mirante Lauro Erdmann, ambos em Vila Deodoro. Mas também estão no levantamento visitas feitas ao Museu e na Escola do Chimarrão.

Embora ainda esteja aquém da expectativa, os números são animadores. Pois, quando levado em conta o número total de visitantes de 2018, foram registrados pouco mais de 4,5 mil turistas na Capital Nacional do Chimarrão em roteiros rurais e citadinos.

De acordo com a responsável pelo Departamento Municipal de Turismo, Angélica Diefenthäler, o crescimento do número de visitantes é creditado, principalmente, às ações e promoções de divulgação do potencial turístico do município. Ela também observa que houve um crescimento nos atrativos oferecidos em Venâncio Aires.

“Hoje a Figueira Centenária é muito mais que uma árvore centenária tombada pelo Município, ela está envolvida em um contexto rural que agrada o visitante. Os visitantes buscam maior contato com a natureza e produtos coloniais”, exemplifica Angélica.

CHIMARRÃO 

A Rota do Chimarrão é outro exemplo citado por ela no processo de fortalecimento do turismo cultural e rural.“A rota agrega experiências inovadoras ao roteiro, como o processo de lavação dos frutos da erva-mate para estratificação da semente, a oficina de preparo do chimarrão, degustações temáticas e passeios acompanhados por guia de turismo. Passeios que destacam aspectos da história do município”.

NOVO MIRANTE 

Além do Mirante Lauro Erdmann, que está instalado em Vila Deodoro, o Departamento de Turismo de Venâncio Aires articula a instalação de um segundo posto de contemplação da natureza. De acordo com o Angélica Diefenthäler, o projeto está em análise interna no Executivo. Atualmente, segundo ela, o projeto está na Secretaria de Planejamento e Urbanismo. O novo mirante tem previsão de ser instalado próximo da Figueira Centenária.

“Quando pronto dará para ver a árvore centenária sob novo ângulo. Também será possível observar a cidade daquele ponto”, antecipa Angélica. Paralelo à tramitação também se busca parceiros para colaborar financeiramente com o projeto.

1 comentário

  1. Bacana os pontos, muito bonitos. Poderiam investir também nas placas indicativas. Pois é RIDICULA as placas indicativas. Diminuindo a beleza dos locais!

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome