Números foram apresentados na Prefeitura (Foto: Débora Kist/Folha do Mate)

A comissão organizadora da Festa Nacional do Chimarrão apresentou nesta quinta-feira, 15, a prestação de contas da 15ª Fenachim, evento realizado em maio de 2019. Pelos números apresentados hoje, houve uma receita total de R$ 1.679.950,75 (entre locações, gastronomia, vendas de ingressos e subvenções) e R$ 1.591.712,40 em despesas (como custos de divulgação da festa, estrutura, tributos e eventos gerais). Assim, o resultado final foi de R$ 88.238,35.

Segundo o vice-presidente da Associação Festa Nacional do Chimarrão (Afenachim), Eduardo Heisler, esse foi o lucro da festa. “Esse número ainda pode variar um pouco, devido a algumas notas, e pode chegar a R$ 90 mil.”

De acordo com o balanço financeiro, também foi considerado um resultado positivo com investimentos no Parque do Chimarrão – R$ 123.949,67. Somando com o lucro, o número fica em R$ 212.188,02.

RELATÓRIO SOCIAL

Ainda na prestação de contas, foi apresentado o relatório de eventos e ações sociais da festa, como os jantares temáticos, onde a maior parte da arrecadação foi destinada à campanha Envolva-se, em prol da construção da UTI Neonatal de Venâncio Aires.

Segundo a presidente da 15ª Fenachim, Cleiva Heck, foram R$ 80 mil em investimentos da própria festa para proporcionar aos expositores suas respectivas comercializações. Na prática, não foi cobrado o espaço dentro do Parque de várias entidades. “A Fenachim devolve quase R$ 170 mil em ações sociais para a comunidade. Por isso, sempre destaquei que essa era uma festa solidária, onde mais acertamos do que erramos.”

A Folha do Mate irá detalhar todos os itens do balanço financeiro da 15ª Fenachim, entre receitas, despesas e ações sociais, na edição deste sábado, 17.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome