Caixa de Venâncio abre hoje, segunda e terça-feira, às 8h (Foto: Cristiano Wildner)

A Caixa Econômica Federal inicia hoje o pagamento dos saques imediatos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Tem direito ao saque todo trabalhador titular de conta com saldo, ativa ou inativa.

Para facilitar o atendimento, todas as agências abrirão nesta sexta-feira, 13, duas horas mais cedo. Em Venâncio Aires, o horário ampliado – 8h às 15h – também será adotado na segunda e terça-feira da próxima semana. Além disso, neste sábado, 14, a agência localizada na Rua Osvaldo Aranha, 1257, e que atende clientes de Venâncio e Mato Leitão, abrirá das 9h às 15h.

Nas semanas seguintes, as unidades que abrirão em horário diferenciado serão informadas no site fgts.caixa.gov.br. O horário especial é exclusivo para os atendimentos relacionados ao FGTS. Segundo a assessoria de imprensa da agência regional da Caixa, no Rio Grande do Sul, 6.062.978 trabalhadores podem ser beneficiados com o saque. O valor total a ser sacado, no estado, até março de 2020, é de R$ 2,2 bilhões.

ENTENDA

Até março de 2020, de acordo com o cronograma, o trabalhador poderá fazer um único saque imediato, de até R$ 500 por conta do FGTS, limitado ao saldo da conta. A retirada imediata vale para contas ativas (do emprego atual) ou inativas (de empregos antigos). Por exemplo, se o trabalhador tiver duas contas – uma com saldo de R$ 120 e outra com saldo de R$ 1 mil, poderá sacar o valor total da primeira (R$ 120) e R$ 500 da segunda. Assim, o total ficará em R$ 620.

O banco fará o depósito automático para quem tem conta poupança no banco, seguindo o calendário de mês de nascimento. Ou seja, quem nasceu em janeiro, fevereiro, março e abril recebe primeiro. Depois serão os nascidos em maio, junho, julho e agosto, que recebem a partir do dia 27 deste mês. Em seguida, no dia 9 de outubro, recebem os nascidos em setembro, outubro, novembro e dezembro.

Segundo a Caixa, os clientes do banco que não quiserem retirar o dinheiro têm até 30 de abril de 2020 para informar a decisão em um dos canais divulgados pela Caixa: site, Internet Banking ou aplicativo no celular. Quem não possui poupança na Caixa deverá seguir o cronograma diferente (box abaixo), que também considera o mês de nascimento, porém, o calendário começa no dia 18 de outubro e encerra em 6 de março de 2020.

DOCUMENTOS

Para quem possui cartão e senha do Cidadão, o saque pode ser feito nos terminais de autoatendimento. Os saques de até R$ 100 poderão ser realizados em casas lotéricas, mediante apresentação de documento de identidade original com foto e número do CPF.

Saque aniversário a partir de 2020

Além da modalidade saque imediato, a partir de 2020, o brasileiro terá a opção de sacar uma parte do FGTS todos os anos, por meio da adesão ao saque aniversário. Os interessados em migrar para a sistemática poderão comunicar à Caixa, a partir de 1º de outubro. Quem aderir a esta modalidade, em contrapartida, perde o direito de receber todo o dinheiro do fundo de garantia em caso de demissão.

Segundo a Caixa, a migração não é obrigatória. Caso o titular de conta do FGTS não comunique ao banco o interesse em migrar, permanecerá na regra do saque rescisão. Quem realizar a mudança só poderá retornar à modalidade anterior após dois anos a partir da data de solicitação à Caixa.

Não haverá alteração relacionada à multa de 40% em caso de demissão sem justa causa para quem migrar para o saque aniversário. O direito ao recebimento da multa rescisória permanece o mesmo, independentemente de qual seja a opção de saque do trabalhador.

Reprodução

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome