(Foto: Alvaro Pegoraro)

Mulher de 41 anos, moradora de Venâncio Aires, denunciou na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) que é mais uma vítima da ‘Speedcash’. Ela declarou que em maio transferiu R$ 7.650 pra a conta de um conhecido, que lhe apresentou o negócio, oferecendo juros diários de 4%.

Posteriormente, a mulher entregou mais R$ 12 mil em dinheiro e transferiu outros R$ 2 mil ao investidor, que tem 37 anos e reside na área central da cidade.

A denunciante relatou que um mês depois tentou sacar os rendimentos, mas foi informada que a empresa estava com problemas e pediu que ela agendasse o saque e voltasse 30 dias depois.

Neste período, a vítima soube que se tratava de uma pirâmide financeira, fez contato e pediu o ressarcimento dos valores investidos. No entanto, foi informada de que não receberia nada e que era para ingressar com uma ação contra a empresa para tentar reaver os valores.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome