Um homem de 48 anos perdeu R$ 545 ao ser vítima do golpe do falso sequestro. Uma pessoa ligou para o seu celular e disse que havia sequestrado seus dois filhos. Como resgate, exigiu R$ 5 mil e disse para a vítima não desligar o aparelho.

Assustado, pediu o dinheiro emprestado, mas conseguiu somente R$ 500. Conversou com o ‘sequestrador’, que aceitou os R$ 500. No entanto, pediu mais duas recargas para celulares.

O homem foi até uma casa lotérica e fez os depósitos e as recargas, sendo uma de R$ 20 e outra de R$ 25. Depois, por orientação dos golpistas, rasgou o papel onde havia anotado os números da conta e dos celulares e jogou tudo fora.

Na Delegacia de Polícia, a mulher da vítima não acreditava que ele havia caído em um golpe, garantindo aos agentes do Setor de Investigações que sabia quem eram os sequestrados. “Mas me disse que a pessoa que ligou tinha sotaque nordestino”, explicou o inspetor Cassinoa Dal Ongaro.