golpe
Golpistas simulam depósitos e levam as mercadorias. (Foto: Alvaro Pegoraro)

Moradora do bairro Coronel Brito, em Venâncio Aires, é mais uma vítima do ‘golpe do primo’. Esta semana ela recebeu uma ligação e o homem se identificou como seu primo, morador do interior do Rio Grande do Sul.

O golpista conversou com a vítima e pediu que ela fizesse almoço, pois estava chegando para visitá-la. A mulher preparou a refeição, mas o ‘primo’ não chegou. À tarde, recebeu nova ligação, onde o estelionatário disse que tinha ficado na estrada, com problemas mecânicos, e que precisava dinheiro emprestado para pagar serviços de mecânico e guincho.

Inocentemente, a mulher, de 53 anos, fez quatro depósitos em três contas diferentes, totalizando R$ 4.200. Só então se deu conta que caiu em um golpe e denunciou o caso na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA).

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome