Escrivão atuava no Denarc da Capital. (Foto: Alvaro Pegoraro)

Mais uma vítima da quadrilha que está agindo na região procurou a Polícia Civil. Na manhã desta segunda-feira, uma comerciante declarou na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Venâncio Aires que perdeu R$ 16 mil para os golpistas.

A vítima declarou que vendeu madeiras tratadas para pessoas que se passaram por representantes de Marciana Lopes, 41 anos, que seria fazendeira no município de Sobradinho. Os estelionatários fazem toda a transação por telefone ou e-mail, acertam o pagamento em parcelas e retiram o material.

A vítima que fez o registro na DPPA nesta segunda soube que as madeiras foram levadas para o interior de Camaquã. O delegado Vinícius Lourenço de Assunção disse que há vítimas deste bando em outras cidades da região, como Santa Cruz, Vera Cruz e Sobradinho.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome