Acusado de matar Joângelo Martin será julgado nesta quarta-feira

-

Será realizado hoje, a partir das 9h, no Fórum de Santa Cruz do Sul, o julgamento mais aguardado desde que Passo do Sobrado se tornou município. Deivid Andriel de Mello, o Dedê, 25 anos, responde por um homicídio e duas tentativas. Ele é acusado de matar o promotor de eventos Joângelo Martin, 32 anos, e ferido Guilherme Martins dos Santos, 24 anos, e Gustavo Martins Schwuchow, 19 anos.
O crime aconteceu por volta das 2h do dia 27 de março de 2016, em frente ao Salão Paroquial, após um desentendimento que segundo a polícia, envolveu Dedê e outras pessoas, que foram retiradas do salão. Testemunhas contaram ter visto o réu sacar a arma e atirar contra as vítimas.
Schwuchow e Santos foram atingidos primeiro, mas sobreviveram. Martins veio em socorro às duas vítimas e conforme declarou o delegado Luciano Menezes, na época dos fatos, foi atingido por um tiro e caiu. Depois, levou mais dois na cabeça, quando estava no chão.
Três testemunhas confirmaram que Dedê foi o autor dos tiros. Ele teve a prisão preventiva decretada e foi preso cinco dias depois, em Cachoeira do Sul. Familiares e moradores de Passo do Sobrado estão mobilizados e prometem ir até a frente do Fórum com faixas e cartazes para pedir a condenação do suspeito dos crimes.
A defesa do réu será feita pela advogada Gisela Antia de Almeida e a acusação está a cargo do promotor Jéferson Dall’Angnol. Os trabalhos serão presididos pela juíza Márcia Inês Doebber Wrasse, que já atuou no Fórum de Venâncio Aires.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes