Acidente aconteceu no final de domingo (Foto: Divulgação)
Seis das sete mortes registradas este ano foram na RSC-287 (Foto: Divulgação)

Com as medidas de isolamento e distanciamento controlado adotadas para combater o novo coronavírus, o Estado registrou, no mês abril, o menor número de mortes no trânsito da série histórica, que reúne dados de acidentes desde 2007.

De acordo com dados do Departamento de Trânsito (Detran), foram 87 óbitos no primeiro mês fechado de quarentena, o que significa redução de 36% em relação ao mesmo mês do ano passado. Na comparação com 2019, o quadrimestre apresentou redução de 16% no número de vítimas, com 443 mortes. A redução fica ainda mais acentuada a partir de março e abril, quando os totais caíram de 142 para 110 e de 135 para 87, respectivamente.

Em Venâncio Aires, a redução no mês de abril é de 100% (um caso este ano, contra dois de 2019). No entanto, na comparação entre janeiro e maio deste ano, com igual período do ano passado, o aumento no número de mortes no trânsito é de 57%.

Foram quatro mortes em 2019 (uma em março, duas em abril e uma em maio), contra sete deste ano (uma em março, uma em abril e cinco em maio). Destas 11 mortes, oito foram na RSC-287, duas na RSC-453 e uma no perímetro urbano.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome