Após 12 anos, Giovane Wickert se despede da Prefeitura de Venâncio

-

Após 12 anos ininterruptos de trabalho na Prefeitura Municipal de Venâncio Aires – oito como vice e quatro como prefeito -, Giovane Wickert se despede do Executivo hoje. “Passou muito rápido. É algo intenso quando a pessoa se dedica, como foi o meu caso”, comenta. Ao fazer um balanço dos últimos quatro anos, especialmente, quando ocupou o cargo máximo do Município, ele repete o que já havia dito após a derrota nas urnas para Jarbas da Rosa: “A sensação é de dever cumprido. Cansei de sair do trabalho tarde da noite, de comer só um cachorro-quente ao meio-dia para agilizar alguns processos. Eu perdi as contas de quantas vezes saí de casa antes de as crianças acordarem e voltei só quando já estavam dormindo”, argumenta.

Wickert diz que foi um prefeito “com telefone sem limite de horário” e que a tarefa de ‘desligar’ dos compromissos que viriam nos dias seguintes era muito difícil. “Antes da pandemia, participamos de todas as atividades que tivemos condições de marcar presença. Já neste ano de 2020, a pandemia do novo coronavírus nos obrigou a ficar mais distante das pessoas fisicamente e focados em enfrentar o inimigo invisível”, ressalta. Além de todo o desafio relacionado à Covid-19, o prefeito lembra que a sua gestão passou por cheia e seca históricas. “Tivemos que resgatar pessoas de helicóptero em Vila Mariante. Isso é algo que nunca vou esquecer”, frisa, acrescentado que, sobre o coronavírus, mesmo que não houvesse “uma receita pronta para seguir”, o município de Venâncio Aires se destacou e foi protagonista no combate à doença.

Pior e melhor

Como pior momento, o chefe do Executivo elege os 100 primeiros dias de governo, ainda em 2017. “Lembro principalmente de uma reunião em que eu fiquei pensando que não tinha onde me agarrar, de tanta dívida que tinha para pagar e não havia dinheiro disponível”, recorda. Wickert relata que se sentiu sem rumo, pois tinha quatro anos de gestão pela frente. “Fiquei pensando: que momento para ser prefeito! Tinha sido vice por oito anos, nos tempos em que a economia estava aquecida e havia a transferência significativa de recursos do Estado e da União. Mas, aos poucos, fomos organizando a casa e estamos chegando ao fim do mandato com equilíbrio”, observa. O melhor momento, ou mais emocionante, para Wickert, foi o lançamento da campanha da UTI Neonatal. “Naquele dia, algumas lágrimas correram. A mesma coisa aconteceu na oportunidade do Prefeitura Mirim. São situações que mexem com a emoção”, admite.

O prefeito também elege como pontos positivos do governo a melhoria das estradas do interior; o diálogo com os servidores públicos; a consolidação do novo Distrito Industrial, de Vila Estância Nova; as pavimentações do Corredor dos Gauer e de Linha Sapé; e a “cruzada a Brasília para tentar salvar o Hospital São Sebastião Mártir”.

Ainda destaca iniciativas como o IPTU Mais, o Programa Fim das Filas e o Fiscale, que renderam à Administração prêmios e reconhecimento internacional, até. “Nesta lista podemos incluir os R$ 4,2 milhões do Programa Lixo Zero, os R$ 5 milhões para a renovação da frota do Município, cuidados com as nascentes do arroio Castelhano e revitalização do Calçadão. “A gente fez muita coisa. Já ouvi que a população de Venâncio Aires ficou mais exigente em relação ao meu próprio desempenho, pelos 12 anos de serviços prestados e facilidade de acesso. O pouco já não é mais suficiente”, sustenta.

“As pesquisas que fizemos mostraram que dois terços da população aprovaram o nosso governo e o apontaram como tocador de obras. Demos continuidade ao que estava em andamento, iniciamos e concluímos várias projetos e estamos deixando muita coisa para o próximo governo colher.”

GIOVANE WICKERT – Prefeito de Venâncio Aires

Eleições, política e futuro

Após vencer a eleição de 2016 – ao lado de Celso Krämer (PTB) – por diferença de 254 votos sobre o mesmo Jarbas da Rosa (PDT), Giovane Wickert (PSB) saiu derrotado por 8.397 votos (24.099 a 15.702) em 2020. Sobre a margem significativa, ele diz que “os venâncio-airenses optaram pela mudança, deixaram claro que queriam dar uma chance para o Jarbas, que saiu meio que de vítima da eleição anterior, que foi muito apertada”.

Ele reforça que o pleito está superado, que o sucessor deve aproveitar “o gesto de nobreza da comunidade e corresponder às expectativas” e que estará à disposição para colaborar sempre que for preciso. “Quem gosta da política não larga ela de jeito nenhum. Não sei se vai ser como palpiteiro, candidato, zagueiro, artilheiro, técnico, gandula ou capitão, só sei que vou estar inserido no meio”, garante Wickert.

Por falar em candidatura, ele não descarta concorrer a deputado estadual em 2022. “Pode ser, tem que ver. Até tenho sido surpreendido com as pessoas perguntando se eu vou disputar uma vaga na Assembleia Legislativa. Elas comentam que eu já fiz uma boa votação quando era vice-prefeito, por isso acreditam que posso ter um desempenho ainda melhor agora que fui prefeito”, relata.

É provável que o socialista continue trabalhando na política. Ele já tem propostas para exercer atividades de assessoria e deve seguir o caminho. Antes disso, porém, vai tirar alguns dias para descanso. “Estou acompanhando esta situação da pandemia, vamos ver se vai dar para fazer umas visitas, talvez dar um pulo na praia, tomando os cuidados que a gente sabe que são necessários. A família toda precisa dar uma relaxada”, avalia.

Destaques

Combate ao coronavírus
• Mais leitos de UTI
• Testagem em massa
• Obrigatoriedade de máscaras
• Indústria e comércio em funcionamento
• Centro Respiratório
• Plano pós-pandemia
• Atendimento a domicílio
• 0800 para informações

Pavimentações
• Centro Linha Brasil
• Vila Teresinha
• Linha 17 de Junho
• Sotero dos Santos Braga (encaminhado)
• Vila Deodoro
• Vila Mariante
• Linha Sapé
• Marechal Floriano (encaminhado)
• Estância Nova (encaminhado)
• Travessão Rüdiger
• Corredor dos Gauer
• Bairro Macedo
• Santa Tecla
• Recapeamento das ruas centrais
• Calçamento comunitário
• Armando Ruschel
• Caminhódromo do Acesso Leopoldina
• 239 paradas de ônibus recuperadas

Iniciativas
• Desapropriação da Escola São Luiz
• Revitalização do Calçadão
• Natal Cor & Magia
• Magia da Páscoa
• Pista de atletismo
• Reforma da Prefeitura (em execução)
• Escolas abertas nas férias
• Campanha Envolva-se
• Áreas verdes revitalizadas
• Reformas em escolas
• Central única de vagas
• Albergue Municipal
• Lixo Zero
• Acostamento da avenida das Indústrias (encaminhado)
• Multipalco (encaminhado)
• Carnaval
• Festival do Balonismo
• Festival do Churrasco e Chimarrão

Programas e projetos
• Pé na Estrada
• Prefeito na Rua
• Gabinete de Portas Abertas
• Prefeitura Mirim
• Incentivos industriais
• Promiea
• Lemic
• Lei Aldir Blanc
• Repasses a entidades

Conquistas
• Posto de Vila Palanque (em execução)
• Posto do bairro Battisti
• Novas Emeis e ginásios
• Centro de Bem-Estar Animal (encaminhado)
• Centro-Dia do Idoso (encaminhado)
• Vila Olímpica (encaminhada)
• Novas quadras
• Praças reformadas
• CVT (encaminhado)
• Academias ao ar livre
• Escola Cívico-Militar (em implantação)
• Sede da Cooprova
• Frota e parque de máquinas renovados (R$ 10 milhões investidos)
• Liberação de jazidas e reativação das capatazias
• Agrofeira

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes