Foto: Alvaro Pegoraro / Folha do MateComunidade de Linha Sapé aguardo desfecho da licitação e início das obras de pavimentação para deixar de conviver com a poeira e o barro
Comunidade de Linha Sapé aguardo desfecho da licitação e início das obras de pavimentação para deixar de conviver com a poeira e o barro

O pedido de abertura de prazo para interposição de recurso, feito por uma das empresas interessadas na licitação do asfalto da estrada de Linha Sapé, obrigou o Município a suspender o processo. Serão cinco dias para que a empresa apresente suas alegações, pois durante a fase de habilitação, na sexta-feira, 8, sustentou que a outra concorrente não estaria com todos os documentos exigidos pelo edital do certame.

A secretária municipal de Planejamento e Urbanismo, Jalila Stahl Böhm Heinemann, esclareceu que também na sexta-feira seria vencida a fase de abertura de envelopes com as propostas financeiras, o que não foi possível em razão da manifestação de uma das duas concorrentes. “Precisamos aguardar o prazo para recurso. Depois, pode ou não haver contestação do recurso. Acreditamos que dentro de 15 dias teremos a continuidade do processo licitatório. Vai dar certo, temos duas empresas”, disse a titular da pasta.

EXTENSÃO E VALORESO edital de licitação foi lançado no início de fevereiro e aponta valor estimado das obras em quase R$ 6,6 milhões para pavimentação asfáltica de 5,8 quilômetros. O Município participará com cerca de R$ 2,5 milhões, e o restante será custeado pelo Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer).

Entenda

Na sexta-feira, 8, foram abertos os envelopes com a documentação de duas empresas interessadas nas obras de asfaltamento de Linha Sapé, na chamada fase de habilitação.

A etapa seguinte seria a abertura de envelopes com as propostas financeiras, mas ela não foi realizada por conta da solicitação de prazo para recurso de uma das concorrentes.

Agora, serão cinco dias para a apresentação das alegações, e pode haver, também, pedido de prazo para contestação do recurso.

Após a análise da Comissão de Licitações, o certame volta a ter andamento, levando em consideração o que for decidido.

A estimativa é de que em 15 dias a fase de habilitação esteja concluída e as empresas possam apresentar as propostas financeiras, que vai definir quem é a vencedora da licitação.