Rota de Santa Maria registra mais de 3,7 mil atendimentos da RSC-287

-

A Concessionária Rota de Santa Maria, do Grupo Sacyr, reuniu a imprensa regional na manhã da quarta-feira, 9, junto ao Posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), em Santa Maria, para avaliar os primeiros 180 dias de Concessão da RSC-287, completados no fim do mês de fevereiro. Durante a explanação do diretor geral da Concessionária, Renato Bortoletti, destacou as principais intervenções realizadas no trecho de 204,51 quilômetros de extensão, entre Tabaí e Santa Maria desde o dia 30 de agosto de 2021. O total de ocorrências nos seis primeiros meses chegou a 3.705, sendo as quatro principais: 983 por pane mecânica, 804 por animal na rodovia, 325 objetos na pista e 254 pneus furados. O maior número de ocorrências foi registrado no mês de outubro, com 682 atendimentos.

No período entre 31 de agosto de 2021 e 28 de fevereiro de 2022, a Concessionária Rota de Santa Maria registrou um tráfego total na Praça de Pedágio de Venâncio Aires (km 86) de aproximadamente 2,2 milhões de veículos, com média de 12 mil por dia. Já na Praça de Candelária (km 131), o volume de veículos chegou a 1,5 milhão, com média de 8,2 mil por dia. “Em ambas, a taxa de utilização das cabines automáticas fica entre 24 e 29%, índices que devem subir com as reformas e pistas de passagem exclusiva”, destaca Bortoletti. “Neste período, tivemos 184 acidentes, com três vítimas fatais”, frisa o diretor. Desde o dia 28 de fevereiro, serviços da concessionária contemplam toda a extensão da rodovia.

O Serviço de Atendimento do Usuário (SAU) para o número 0800-1000-287 recebeu nos primeiros 180 dias 3.449 ligações e 3.077 atendimentos de Ouvidoria (pelo telefone e também pelo Fale Conosco do site www.rotadesantamaria.com.br). Os principais assuntos destes atendimentos são relacionados a pedidos de informações (37%), solicitações (26%) e reclamações (21%). “A maioria das pessoas que ligam para reclamar quer o início da duplicação da rodovia, o que demonstra o desconhecimento com relação ao contrato”, explica o diretor.

Serviços Iniciais

De acordo com o Contrato de Concessão, o primeiro ano da operação é focado nos trabalhos iniciais, que incluem revitalização e recuperação emergencial de toda a extensão. “Temos nos empenhado em cumprir o contrato e inclusive antecipar algumas obras. O desgaste do asfalto e as altas temperaturas registradas nos últimos meses foram os principais desafios destes primeiros seis meses”, frisou. A partir do segundo ano, até o quinto, será realizada a etapa de recuperação, com a restauração completa do pavimento. Até o momento, a Rota de Santa Maria já realizou intervenções em 82 quilômetros da rodovia.

Trecho antes das melhorias realizadas pela Concessionária de Santa Maria (Crédito: Divulgação)

Atualmente, a Concessionária possui quatro equipes focadas na melhoria do asfalto sendo uma equipe de fresagem e recomposição, uma equipe pequena para reparos pontuais, uma equipe de microfresagem e uma equipe de microrrevestimento. Além disso, mais uma equipe de Tapa-Buracos, que atua em toda a extensão da rodovia. A geração de empregos já supera 420 postos de trabalho, entre colaboradores diretos e terceirizados. Ao todo, já foram instaladas 1.600 novas placas de sinalização nos 204,51 km sob a concessão.

Relembre

A Concessionária Rota de Santa Maria assumiu a rodovia dia 30 de agosto, após publicação da súmula do Termo de Arrolamento e Transferência dos Bens no Diário Oficial do Estado. A Concessão contempla a rodovia RSC-287, no trecho entre Tabaí (km 28,03, no entroncamento com a BR-386/RS) e Santa Maria (km 232,54, no entroncamento com a ERS-509), totalizando 204,51 km de extensão. O Contrato de Concessão possui duração de 30 anos e prevê a duplicação de todo o trecho concedido, com investimentos da ordem de R$ 2,7 bilhões.

Dia 28 de fevereiro, ao completar seis meses de concessão, a Rota de Santa Maria implementou o fornecimento de serviços médico, mecânico e inspeção de tráfego para todo o trecho entre Tabaí e Santa Maria, com a atuação de 99 colaboradores, 24 horas por dia em chamadas de acidentes, panes mecânicas, animais na pista ou outras intercorrências na rodovia. O apoio é feito por 13 veículos, entre viaturas, guincho leve e pesado, ambulâncias, reboques para apreensão de animais e caminhão pipa. Somente nos serviços de saúde, junto às ambulâncias, são 67 profissionais, entre médicos, enfermeiros e socorristas. Os outros 32 profissionais atuam junto ao Guincho Pesado (8), Guincho Leve (8), Inspeção de Tráfego (8) e Centro de Controle Operacional (8).

O Serviço de Atendimento ao Usuário (SAU) também passou a ser realizado em quatro bases distribuídas ao longo do trecho, sendo duas nas Praças de Pedágio existentes (Venâncio Aires e Candelária) e as demais junto aos Postos de Combustíveis no km 34 (Posto Frizzo) e km 200 (Posto Fuzer), com área de descanso, banheiros, fraldários, água potável e estacionamento. (Fonte: AI Concessionária Rota de Santa Maria)

Contato com a Rota de Santa Maria:

SAC: 0800-1000-287
Site: www.rotadesantamaria.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes