O secretário municipal de Saúde, Ramon Schwengber, aguarda uma resposta do comandante do 7º Batalhão de Infantaria Blindado (7º BIB), de Santa Cruz do Sul, coronel Christian Augusto Santos Cravo, ao ofício enviado na sexta-feira, 8, e que pede ajuda do Exército para combater o mosquito Aedes aegypti em Venâncio Aires. A Capital Nacional do Chimarrão aparece em uma lista de mais de 320 municípios gaúchos considerados infestados pelo vetor da dengue, febre chikungunya e zika vírus.

Além de intensificar ações de combate ao mosquito com as próprias forças – o trabalho dos agentes de endemias terá o reforço dos agentes de saúde -, a Secretaria de Saúde busca auxílio dos militares para atingir o maior número possível de residências, já que nos próximos dias pretende iniciar uma grande campanha de mobilização. A intenção é conscientizar a comunidade sobre ações preventivas necessárias.

ORIENTAÇÕES – A Secretaria de Saúde já vem repassando orientações para prevenir ataques do mosquito da dengue. De acordo com as dicas, o Aedes aegypti é silencioso e costuma picar durante o dia, especialmente nas primeiras horas da manhã ou fim da tarde. Ele ataca, principalmente, pernas, tornozelos e pés. A sua picada, geralmente, não dói nem coça. É comum no verão, sendo recomendado usar repelentes, inseticida na casa ou colocar redes mosqueteiras nas portas e janelas. Uma forma natural de afastar o mosquito é acender velas de citronela dentro de casa. Também é o principal transmissor da febre amarela.

IMPORTANTE – O setor de Relações Públicas do 7º BIB confirmou, ontem, que o ofício chegou à unidade, mas que ainda depende de manifestação do comandante, que analisa a possibilidade de atender a solicitação.

“A ideia é termos ainda mais pessoas ajudando nas visitas domiciliares, além dos agentes de endemias e de saúde. O engajamento da comunidade às ações de combate é fundamental.”RAMON SCHWENGBERSecretário de Saúde

Dicas

• Guardar garrafas vazias viradas para baixo• Guardar pneus sob abrigos• Não acumular água nos pratos de vasos de plantas e enchê-los com areia• Manter desentupidos ralos, canos, calhas, toldos e marquises• Manter lixeiras fechadas• Manter piscinas tratadas o ano inteiro• Tampar caixas d’água, tonéis e latões