O suspeito de disparar sete tiros contra a jovem Micheli Schlosser, 25 anos, na noite de domingo,11, por volta das 19h40min, na rua Osvaldo Aranha, no ‘calçadão’ de Venâncio Aires, prestou depoimento na Delegacia de Polícia no início da tarde desta segunda-feira, 12.

Acompanhado de um advogado, o homem, de 28 anos, alegou que é namorado da vítima e preferiu se manter calado sobre os fatos. Foram feitas buscas na casa dele no bairro Santa Tecla e, apreendidas uma espingarda calibre 12, um rifle calibre 22 e munição. As armas estão registradas no nome do suspeito.

O delegado Felipe Staub Cano representou pela prisão preventiva do suspeito. Segundo informado pelo Hospital São Sebastião Mártir (HSSM), Micheli recebeu alta médica no meio-dia desta segunda-feira.

O CASO

A vítima e o acusado dos tiros haviam conversado, mas acabaram discutindo. O homem saiu e no momento em que Micheli e familiares entravam em um automóvel para ir embora, o acusado se aproximou em uma moto Honda Biz. Ao ver a cena, um familiar empurrou Micheli para dentro do carro. O homem desferiu sete tiros contra a vítima. Desses, dois atingiram a cabeça e outros três partes do corpo.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome