Sandra Wagner, Nelsoir Battisti e Sid Ferreira pediram ao vice-governador, Ranolfo Vieira Júnior, reforço no efetivo da Brigada Militar de Venâncio Aires (Foto: Vanessa Behling/AI Câmara)

Os vereadores Nelsoir Battisti (PSD), Sid Ferreira (PDT) e Sandra Wagner (PSB) estiveram, na quinta-feira, 4, cumprindo uma série de agendas em Porto Alegre. Na Assembleia Legislativa, Sandra visitou os deputados estaduais Elton Weber e Franciane Bayer, ambos do PSB; Battisti conversou com Vilmar Lourenço (PSL); e Ferreira esteve com deputados do PDT – recebido por Airton Artus, coordenador da bancada no Palácio Farroupilha.

No encontro com Weber, Sandra Wagner falou sobre a preocupação da implantação da nota fiscal eletrônica para os agricultores. Mas, de acordo com o deputado, por conta de quase 60% da população rural ainda não ter acesso à internet, a obrigação não deve entrar em vigor em 2020. No gabinete da deputada Franciane, discutiram ações e políticas públicas de prevenção à violência contra a mulher e a saúde da mulher.

Sid Ferreira entregou documento com solicitações para área da segurança pública, mesmo assunto que pautou a agenda do vereador Nelsoir Battisti com o deputado do PSL. Ambos discutiram também ideias para destinação do lixo, tema que será debatido em uma frente parlamentar que será presidida por Lourenço na Assembleia.

Vereadores tiveram agenda com Carlos Alexandre Ávila e pediram atenção para problemas nas escolas Adelina Konzen e Wolfram Metzler (Foto: Vanessa Behling/AI Câmara)

Sid Ferreira entregou documento com solicitações para área da segurança pública, mesmo assunto que pautou a agenda do vereador Nelsoir Battisti com o deputado do PSL. Ambos discutiram também ideias para destinação do lixo, tema que será debatido em uma frente parlamentar que será presidida por Lourenço na Assembleia.

EDUCAÇÃO

Os três vereadores participaram de reunião com o diretor-adjunto do Departamento Administrativo da Secretaria Estadual de Educação, Carlos Alexandre Ávila. Na oportunidade, apresentaram a necessidade de resolução dos problemas estruturais no ginásio da Escola Adelina Konzen, localizada em Vila Estância Nova, e também de um prédio da Escola Wolfram Metzler, do bairro Bela Vista.

O ginásio do educandário de Estância Nova está interditado desde 2014, quando a Secretaria Estadual de Obras vistoriou o local e emitiu parecer emergencial para restauração da estrutura. No entanto, não houve evolução em relação ao caso. De acordo com Ávila, uma nova vistoria será realizada, para em seguida serem determinadas as providências. Segundo ele, a falta de recursos e a elevada demanda – são mais de dois mil educandários estatuais no Rio Grande do Sul -, além da troca de governo, podem ter ocasionado atraso na resolução do problema.

Ávila também lembrou que o recurso de R$ 280 mil para a recuperação do prédio da Wolfram Metzler, onde funcionava o laboratório de ciências e a biblioteca, interditado desde 2013, já foi empenhado, está travado em trâmites burocráticos, mas deve ser liberado em breve.

*Com informações da Assessoria de Imprensa da Câmara de Vereadores de Venâncio Aires.

“A visita de vocês, vereadores, mostra a preocupação com a situação, que pode resultar em acidentes com a comunidade escolar. Podem ter certeza de que vamos retomar esta avaliação.”

CARLOS ALEXANDRE ÁVILA

Diretor-adjunto do Departamento Administrativo da Secretaria Estadual de Educação

SEGURANÇA PÚBLICA

1 Os vereadores, em visita ao vice-governador do Estado, Ranolfo Vieira Júnior, solicitaram reforço de efetivo na 3ª Companhia da Brigada Militar de Venâncio.

2 Os parlamentares apresentaram ao vice-governador informações da BM local de que a demanda da Capital Nacional do Chimarrão seria de mais de 90 policiais. No entanto, atualmente o efetivo é de pouco mais de 30 brigadianos.

3 Segundo Ranolfo, a defasagem na segurança pública do Rio Grande do Sul é de quase 20 mil policiais. Ele adiantou que em meados de agosto serão chamados cerca de dois mil PMs e que serão lotados em batalhões e cidades com maior demanda.

4 Além disso, os vereadores ainda apresentaram a necessidade do deslocamento do posto da Polícia Rodoviária Estadual de Taquari para região de Vila Mariante. O vice-governador assegurou que irá estudar o assunto.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome