O computador como aliado

Bem, falando de máquina computador, fica até difícil pensar em dica de saúde. Entretanto, é preciso reavaliar, pois, o nosso corpo humano de certa forma também funciona como “máquina”. Trata-se de uma “máquina” sujeito a estragos, sujeito a desgaste e envelhecimento. O problema é que o seu Sistema Operacional é um tanto desleixado e freqüentemente deixa de controlar adequadamente seu próprio sistema de conservação. Até aqui já se pode ver que é preciso fazer muita manutenção para garantir o perfeito funcionamento.

E de que forma esta “máquina humana” pode se harmonizar um pouco melhor com esta máquina computador? O dia a dia mostra que o computador, esta “coisa” tão estranha para muitos, aos poucos está se transformando no equipamento de trabalho diário para muitos outros. E haja fôlego! Aprender a digitar! Aprender Word, Excel, Internet e sei lá o que mais. Mas é aí que a máquina humana muitas vezes começa “dar pau”. Dói a mão! Dói o dedo! Dói o braço! Dói a região dorsal! É um problemão!

Vejamos alguns recursos para diminuir toda esta encrenca

Em primeiro lugar, precisamos de uma cadeira confortável, de preferência uma cadeira ergonômica. Esta deve ter um encosto anatômico e seus braços devem ser dotados de regulagem de altura.
Ao nos sentarmos, devemos posicionar os joelhos em 90 graus em relação aos quadris e tornozelos, de preferência regulando o apoio dos pés de acordo com a altura da cadeira.
Da mesma forma os cotovelos devem, manter um ângulo de 90 graus na relação dos punhos aos ombros.
A mesa também deve ter uma altura adequada e a linha superior do monitor deve estar posicionada na linha dos olhos.
A cada 45 minutos ou de hora em hora convém realizar exercícios de alongamento nas mãos, braços e o próprio corpo. Pequenas caminhadas ajudam a ativar a circulação;
A postura adequada, com as costas apoiadas e o pescoço alinhado mantém a musculatura dorsal ativada, além de manterem o corpo com um aspecto mais saudável, também evita a tradicional dor nas costas.
Se com tudo isto ainda persistir a dor nas costas ou nos braços, sugiro fazer uma boa avaliação com o ortopedista.
Enfim, é bom lembrar que uma postura saudável e um pouco de exercício físico sempre faz bem para qualquer “máquina humana”.

LEIA MAIS:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques