Petição online contra o monumento à Bíblia

Uma petição online contra a construção de um monumento à Bíblia está sendo compartilhada nas redes sociais. A ‘bíblia gigante’ foi aprovada por unanimidade na Câmara de Vereadores de Venâncio Aires e está prevista para ser construída na Praça Henrique Bender, a Praça Evangélica.

Até o começo da noite de ontem, a petição comunitária criada no site da avaaz.org – plataforma online para campanhas a nível local, nacional e internacional – já tinha 244 assinaturas.

A petição foi criada pelo jornalista Felipe André Kroth. Segundo ele, a ideia é acionar o Ministério Público. “O abaixo-assinado vai ser anexado à denúncia”, antecipa.

Na petição, disponível aqui, o autor argumenta que a construção contraria o Estado Laico. “E se fosse uma estátua de Ogum ou um monumento ao Alcorão? Muito embora seja de maioria cristã, a população brasileira é plural também em sua religiosidade e é formada, ainda, por um enorme número de pessoas que professam nenhuma religião. Todos pagadores de seus impostos”, diz o texto.

Segundo projeto aprovado no Legislativo, serão investidos R$ 42 mil na construção do monumento, que terá quase três metros de altura.

O lixo no Castelhano
Bola de futebol, garrafas pet, restos de embalagens de veneno, frascos de remédios, capacetes, televisão estragada. Onde isso foi encontrado? No Arroio Castelhano, o principal recurso hídrico de Venâncio Aires.

A revelação veio pelo proprietário da empresa MJ Serviços, contratada para a execução da limpeza do arroio. Estes itens citados por ele são exemplos do tipo de lixo encontrado no primeiro dia de trabalho, na terça-feira, 3, quando mais de uma tonelada de resíduos foi recolhida. É muito fácil os moradores cobrarem do poder público soluções para tudo, quando a própria população não faz sua parte. Triste realidade!

Teste da rótula
Circula nos grupos de WhatsApp e nas redes sociais, um vídeo que mostra um homem, literalmente, testando a nova rótula de Venâncio Aires, na Rua Armando Ruschel.

Um catador de material reciclável andou em círculos com o seu carrinho de recolhimento. Não sabemos quem gravou o vídeo, que se espalhou rapidamente na internet, mas a ação rendeu boas risadas e interação nas plataformas digitais.
Alerta: a ação é perigosa e nenhum pouco recomendada.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome