Uma festa termina e outra já começa a nascer

Os números oficiais da 16ª Fenachim devem ser divulgados na quarta-feira, 19, mas há dados sobre a festa, que não são matemáticos, que já podemos adiantar. Me refiro, especialmente, à satisfação de quem escolheu a festa para expor e visitar.
Durante os dias da festa, conversei com expositores que destacaram os bons negócios e disseram que irão voltar na próxima edição, em 2024. Também ouvi visitantes que evidenciaram o quanto o parque estava bonito, organizado e a programação atrativa, para todos os gostos e idades.
A ‘Fenachim da retomada’ também foi a festa para matar a saudade de sair, encontrar amigos, dançar e ver coisas diferentes. Durante a festa, tivemos a oportunidade de encontrar famílias que, desde o começo da pandemia, em 2020, não tinham mais prestigiado eventos e festas e estavam radiantes com o passeio no Parque do Chimarrão.
Na cerimônia de encerramento da 16ª Fenachim, o prefeito Jarbas da Rosa anunciou a data da 17ª edição, que ocorrerá de 1º a 5 e de 8 a 12 de maio de 2024. Não recordo de uma festa ter encerrado e a data da próxima edição já ter sido anunciada. Isso mostra planejamento da organização e continuidade. Antecipação dos trabalhos é fundamental, para que a festa se torne ainda maior, afinal, a Fenachim é a principal vitrine de Venâncio Aires.

Asuir, nome como homenagem

Na sexta-feira, 13, o Espaço Mateando, formado pelas casas da Folha do Mate e Terra FM no Parque do Chimarrão, recebeu a visita de Asuir e Bianca Pagel, moradores de Lajeado.
Eles visitaram a 16ª Fenachim com o intuito de também encontrar Asuir Silberschlag, sócio-proprietário do jornal. A mãe de Asuir Pagel, a dona Eroni, deu o nome ao filho em homenagem a Asuir, já que escutava o nome todos os dias no programa Isto é Integração, da Rádio Venâncio Aires, quando Asuir era citado como sonoplasta, no início dos anos 70.
O encontro da dupla de Asuir foi especial. Até aquele dia, se conheciam somente através da rede social Facebook. No momento do encontro dos dois foi feita uma videochamada com a dona Eroni, que ficou emocionada ao saber do encontro do filho com quem inspirou a escolha do seu nome.

Terramate é eleito o chimarrão mais bonito da Folha e da Terra

No clima da 16ª Festa Nacional do Chimarrão (Fenachim) e do concurso que elegeu o Melhor Chimarrão do Brasil, a Folha do Mate e a Terra FM promoveram a primeira edição do concurso interno para escolher o Chimarrão mais Bonito dos dois veículos de comunicação.
Quatro colegas do jornal e da rádio aceitaram o desafio e prepararam os chimarrões na quinta-feira, 12. A votação aconteceu de forma on-line, pelos stories do Instagram da Folha do Mate durante 24 horas.
Larissa Maciel, que trabalha no setor comercial da Terra FM, foi a campeã da atividade, com o chimarrão denominado Terramate (foto no detalhe). Na segunda colocação, ficou Júlia Brandenburg, que atua na recepção, com o chimarrão Florindo.
Já na terceira e quarta posição, ficaram Marina Mayer, repórter da Folha do Mate, com o chimarrão chamado Guarani, e Rodrigo Kist, publicitário e arte finalista do jornal, com o chimarrão a Comunicação nos Une. Os participantes do concurso receberam uma premiação simbólica na manhã de ontem (foto).

Feriado 11 de maio
Durante a 16ª Fenachim, a Câmara de Vereadores de Venâncio Aires realizou uma pesquisa no estande do Legislativo, referente ao feriado em 11 de maio, dia do aniversário de Venâncio Aires. Os visitantes tiveram que responder com ‘Sim’ ou ‘Não’, se são favoráveis ao feriado voltar a ser no dia 11 de maio.
Foram computados 1.483 votos. Deste total, 92,85% (1.377) votaram ‘Sim’ e 5,52% (82) votaram ‘Não’. Foram ainda registrados 23 votos brancos (1,55%) e um voto nulo (0,06%).
Desde 2013, não é mais feriado em Venâncio no dia 11 de maio. Naquele ano, a Câmara aprovou a alteração na data de um dos feriados municipais e 25 de julho, Dia do Colono e Motorista, passou a ser feriado.
Anualmente, o debate em torno dos feriados é retomado, especialmente no mês de maio, no entanto, para a mudança acontecer, de fato, o primeiro passo seria o Executivo Municipal apresentar projeto propondo a alteração.

Obras emergenciais na RSC-453

A partir desta quarta-feira, 18, a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) executará obras emergenciais na RSC-453, entre Venâncio Aires e Lajeado. Serão feitos reparos entre os quilômetros zero e 15, incluindo o recapeamento em mais da metade desse trecho.
De acordo com a assessoria de imprensa da estatal, desde 2020 a EGR atua na recuperação geral da RSC-453. “Algumas etapas já estão concluídas, como o restauro completo – incluindo reciclagem e reparos profundos, além do recapeamento do trecho entre os quilômetros 15 e 20, em Cruzeiro do Sul”, destaca.
Além da manutenção, a EGR informa que serão construídas duas rotatórias – nos km 27 e 29 – e melhorias no acesso ao Distrito Industrial de Venâncio Aires.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques