Tentando entender

A pergunta no começo desta semana envolve diretamente a Assoeva. O que é aconteceu com a equipe que foi goleada pelo Tubarão por 7 a 2? Um resultado no mínimo difícil de explicar? Por certo lado sim, por outro nem tanto. O notório é que a Assoeva oscila no atual momento. A arrancada na Liga Futsal foi boa demais e graças a isso a pontuação é considerável no Grupo C. Nos últimos jogos a equipe vem de altos e baixos. Começou já naquela derrota para o Pato. Na mesma semana a Assoeva levou um grande susto. Perdia por 3 a 0 para o Jaraguá e foi buscar a virada. Ufa. Depois veio a difícil vitória contra o Campo Mourão. Quando se imaginava que a equipe manteria a sequência positiva, outros dois tombos. Começou pela derrota para o Dois Vizinhos pela Copa do Brasil. Agora esse 7 a 2. O torcedor não está acostumado com essa certa oscilação. Na rodada desta terça-feira pela LNF a Assoeva tenta a reabilitação. Enfrenta o Jaraguá que é uma das decepções da competição. Se bobear a equipe catarinense não irá nem passar de fase. Tomara que a Assoeva não dê vida para o Jaraguá que pelo plantel que tem, não devia estar brigando pelas últimas posições e sim pela outra extremidade.
O que torcedor da Assoeva aguarda é uma resposta positiva ainda hoje. Que a má fase quem sabe de alguns atletas fique para trás. A Assoeva conta com um plantel qualificado. Se vai brigar pelo título não se sabe pois de momento a atenção principal é por uma sequência que traga tranquilidade. Isso virá somente com bons resultados e atuações seguras. Antes do Tubarão, a Assoeva projetava quatro a seis pontos em Santa Catarina. Tem ainda dois jogos. Pontuação é possível de alcançar. Para isso, reação é a palavra chave de momento.

TOMA LÁ, DÁ CÁ

# Boni expulso e Vini Scola machucado. Dois desfalques da Assoeva. É a metade de um dos quartetos que Guilhermo Verfe costuma colocar em quadra.

# Com Keké e Rafinha, a Assoeva tem dois pivôs de referência. Os dois não costumam iniciar como titulares. Está na hora de maiores oportunidades principalmente para Rafinha. Ele tem mais gols com muito menos tempo de quadra que alguns titulares absolutos.

# Semana decisiva para o Inter. Primeiro joga pela Libertadores onde ainda tem que confirmar a classificação. No domingo defende a liderança do Brasileiro contra o Flamengo.

# Grêmio não tem mesmo sorte com o VAR. Foi decisivo no 0 a 0 contra o São Paulo. Na Libertadores está classificado mas joga quinta-feira pela vitória para confirmar o primeiro lugar. Assim vai ‘ajudar’ o rival.

# Copa Serrana decide esta semana se retorna os jogos no domingo.

* * * Na Série B do Brasileiro, Thiago Carpini não é mais técnico do Oeste. Anunciado em 30 de setembro, Carpini estreou na derrota para o Figueirense por 4 a 1. O grande resultado do treinador, que deixou os paulistas sem vencer uma vez sequer, foi o empate sem gols contra o Cruzeiro. No mais, o Oeste perdeu de Operário (1 a 0) e Confiança (3 a 1).
Foram quatro jogos com três derrotas e um empate. Aproveitamento de 8,3%. Carpini ficou exatos 20 dias à frente do Oeste.
Realidade de alguns técnicos.

* * * Atacante Rômulo testou positivo para Covid-19 e desfalcará o Avaí no confronto sulista contra o Juventude nesta terça-feira, às 19h15min, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O atleta já estava afastado desde sábado, quando apresentou sintomas. Segue em quarentena com acompanhamento do DM Azurra, o zagueiro Eduardo Kunde, os volantes Jean Martim e Leandrinho e ao atacante Jonathan que testaram positivo na última semana, assim como o auxiliar técnico Bruno Gonçalo. Meio time fora.

* * * Técnico Luiz Felipe Scolari estreia hoje no comando do Cruzeiro. Equipe mineira é penúltima colocada na Série B. Compromisso é contra o Operário, no Paraná. Cálculos dão conta que é de apenas 1% as chances do Cruzeiro ficar no G4. Será que Felipão conseguirá provocar algo novo e virar o jogo? Risco é grande de rebaixamento do clube celeste para a Terceirona.

* * * Na Copa FGF, alguns clubes começam a contratar e definir plantel. O Bagé, por exemplo, é um dos confirmados. O clube já anunciou também quem será o comandante da equipe. Será Claiton dos Santos.
Os três primeiros contratados são: – Yuri Rodrigues, zagueiro de 25 anos; Renato Miranda (Renatinho), atacante de 30 anos; e Vinicius dos Santos (Vini), atacante de 27 anos.

* * * A Série A2 do Campeonato Pernambucano começou neste fim de semana se uma forma no mínimo ‘engraçada’. Dos seis jogos, apenas três deles foram realizados. Três times perderam por WO. Clubes como Timbaúba e Pesqueira não conseguiram inscrever jogadores suficientes e acabaram perdendo para Centro Limoeirense e Ypiranga, respectivamente. Já o 1º de Maio não apareceu para o jogo contra o Sete de Setembro. É o mundo da bola que da muitas voltas…

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome