Deputados se unem pelas estradas

Três deputados entregaram documento para Otomar Vivian. (Foto: Leandro Luz)

Os deputados Adolfo Brito (PP), Edson Brum (PMDB) e Kely Moraes (PTB), que representam ao Vale do Rio Pardo, se reuniram na quarta, 21, com o Chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Otomar Vivian, para tratar de prioridades em obras estruturais para os municípios que representam, documento que também será levado ao governador Eduardo Leite (PSDB).
Os obras são: ERS-410, trecho de Candelária ao Bexiga; ERS-403, trecho Rio Pardo a Cachoeira do Sul; Acesso de Lagoão até o município de Segredo, perfazendo 28 quilômetros; A recuperação do trecho entre os municípios de Sobradinho a Segredo; Acesso a Tunas pelo município de Jacuizinho, perfazendo 13 quilômetros pela estrada ERS-531; Acesso municipal entre Lagoa Bonita e Passa Sete; Conclusão de acesso a Pinhal Grande – 2 quilômetros; Acesso municipal a Amaral Ferrador até a BR-116; Conclusão do acesso de Vale Verde a Venâncio Aires, por Vila Melos, trecho de 16 km já com as obras de arte (pontes e bueiros) concluídas em 1998; Acesso de São João do Polêsine até Vale Vêneto – 6 km.
Com o Estado sem dinheiro, são obras difíceis de saírem do papel, mas os três deputados demonstram que estão atentos e buscam formas para atender estes anseios.
Brito cita que os três parlamentares priorizarão na audiência com o governador estas obras para após a renegociação da dívida do Estado, quando acredita que haverá recurso para investimentos.
Brum passou ontem a tarde aqui na Folha, em trânsito de Santa Cruz, onde teve compromissos, para Encantado, onde mora. Ele acredita que em 2020 o Estado já poderá antecipar até 50% do valor dos R$ 8 bilhões que pretende arrecadar com a venda, alienação ou federalização da CEEE, CRM e Sulgás, para investir.
“Estamos nos adiantando”, me disse Brum, relevando que esta frente de trabalho com os três deputados do Vale do Rio Pardo terá outras atividades conjuntas.
Uma iniciativa que merece elogios. Juntos, os três podem fazer mais pelas comunidades que os elegeram.

 

Patrocinadores da Oktoberfest

Na quarta, 21, a 35ª Oktoberfest de Santa Cruz, presidida por Enio Wermuth, anunciou os 13 patrocinadores da Festa da Alegria 2019, que é realizada pela Associação de Entidades Empresariais de Santa Cruz do Sul (Assemp) presidida por Leo Schwingel.

Os patrocinadores são: Afubra, Chopp Brahma, Excelsior, Germani Alimentos, JTI, Lojas Colombo/Crediare, Mor, Philip Morris Brasil, Sicredi Vale do Rio Pardo, Souza Cruz, Universal Leaf Tabacos, Vero/Banrisul, Viação União Santa Cruz e Xalingo Briquedos. Time forte.

 

Pelo veto

Senador gaúcho Lasier Martins, eleito pelo PDT e hoje no Podemos, integra grupo de senadores que lidera movimento que pede ao presidente da República Jair Bolsonaro que vete integralmente o projeto de Abuso de Autoridade, aprovado açodadamente na Câmara dos Deputados.

Já somos 33 senadores unidos no manifesto contra o projeto que, se sancionado, intimidará as autoridades e prejudicará as investigações da Lava Jato. Não podemos permitir. Todos os senadores do Podemos assinaram o manifesto, solicitando ao presidente que vete integralmente o texto aprovado”, se posiciona Lasier.

 

Com Bolsonaro

Na quinta,22, o presidente Jair Bolsonaro recebeu representantes de rádios, TVs e jornais dos três estados do Sul para um café da manhã.

Bolsonaro reclamou da má vontade da midia nacional com o seu governo e destacou a importância da imprensa regional, que fala diretamente com as pessoas.

Marcelo Petrelli, da Associação de Rádios e TVs de SC, que agendou o encontro, resumiu ao presidente a força e o sentimento dos veículos do interior: “Nossos veículos fazem comunicação em sintonia com a sociedade porque fazemos parte dela”. É isso.

Eladio Vieira da Cunha, diretor do Jornal do Povo de Cacheira do Sul e presidente da Associação dos Diários do Interior do RS, representou os jornais do interior.. (Foto: Divulgação)

Nos jornais

Deu no JP: Cachoeira do Sul modifica a Festa Nacional do Arroz (Fenarroz), um dos mais antigos eventos no RS. A Fenarroz passa a ser anual e com enfoque mais técnico, incluindo soja, noz e olivas. E não terá mais Soberanas.

Deu no Ibiá: Vereador Erico Velten (PDT), presidente do Legislativo de Montenegro em 2018, é acusado por uma assessora de assédio sexual e extorsão, exigindo devolução de parte do salário dela. As investigações da Polícia foram feitas e o assunto encaminhado à Justiça.

Jairo Jorge

Pesquisa Methodus em Canoas mostra intenção de voto para prefeito em 2020. O ex-prefeito Jairo Jorge (PDT) tem 54% das intenções de voto. O prefeito Luís Carlos Busato (PTB) tem 8,7% e Nelsinho Metalúrgico (PT) 5,8%. Jairo foi prefeito reeleito 2009/2018 e fez governos que revolucionaram Canoas. Ele se elegeu pelo PT, mas migrou para o PDT em 2016, quando estourou o Petrolão. Foi candidato a governador do PDT em 2018.

 

Methodus aqui

A Methodus também realizou pesquisa em Venâncio nesta semana. Pelo que me chega de eleitor entrevistado, pediram nota para o Governo Municipal e em quem votaria para prefeito em 2020. Giovane, Celso, Vinícius ou Jarbas, teriam sido as opções apresentadas no disco, além de perguntas comerciais.

A pesquisa não é para a Folha.

 

Notinhas

* Juiz da Lava Jato manda pôr tornozeleira eletrônica em Guido Mantega. Mais um Ministro de Lula e Dilma preso por desviar dinheiro público. Que time. Que clube.

* O abaixo-assinado do Novo contra o aumento de R$ 1,7 bilhão de 2018 para R$ 3,7 bilhões de 2020 do fundão eleitoral chegou a 400 mil assinaturas.

* As queimadas fazem parte da cultura de ‘limpar’ a terra, o que penso ser um absurdo em pleno século XXI. Elas existem. Sempre existiram. Mas agora são mostradas fora de controle. A esquerda culpa Bolsonaro por isso. E ele desconfia que ONGs da floresta amazônica, que deixaram de receber dinheiro do governo, estão por trás desse aumento de queimadas. Logo vamos saber a verdade sobre isso.

* Feira do Livro no Parque vai até domingo. Um bom programa de família. Passear no Parque, visitar a Feira e tomar um chimarrão.

 

Esportivas

Assoeva joga hoje no Paraná contra o Campo Mourão pela Liga Nacional. Depois com a Inteli em Venâncio dia 6 de setembro para fechar a fase classificatória. Depois vem o mata-mata.

* Dupla GreNal se ‘estrepou’ na Libertadores. Na terça o Grêmio perdeu para o Palmeiras por 1×0 na Arena. Na quarta o Inter levou 2×0 do Flamengo no Maracanã. Terça tem Grêmio x Palmeiras em SP e quarta Inter x Flamengo no Beira Rio. Complicado de reverter os dois resultados, mas não impossível. Quem passar faz uma semifinal. A outra deve ser Boca x River. Só clube grande.

* Orçamento de Flamengo e Palmeiras, os dois clubes mais ricos do Brasil hoje, bate em quase R$ 800 milhões. Da dupla Gre-Nal fica abaixo de R$ 400 milhões. A metade.

 

Do Twitter

* Carta Capital: Líderes apoiam o presidente da França, que propõe boicote ao Brasil no acordo entre União Europeia e Mercosul.

* Exame: Europa quer limitar crescimento do Brasil com discurso ambiental, diz Onyx.

* UOL: Bolsonaro vira alvo em protestos por defesa da Amazônia pelo mundo.

* Folha S. Paulo: Brasil enfrentará problemas pela ‘irresponsabilidade da imprensa’, diz Bolsonaro.

* Ernesto Araújo: Por que o Brasil está sendo alvo de uma campanha internacional tão feroz e injusta no tema ambiental? Simples. Porque o governo do Presidente Bolsonaro está reerguendo o Brasil. A “crise ambiental” parece ser a última arma que resta no arsenal de mentiras da esquerda para abafar esse fato.

* GaúchaZH: “Nasci mulher, pobre, negra e aprendi que a gente não pode viver exercitando problemas”, diz Glória Maria na abertura da Expoagas.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome