Domingo de festa no Centro

O domingo, 24 de abril, Dia do Churrasco e do Chimarrão, foi comemorado em grande estilo em Venâncio, na Travessa São Sebastião. Folha do Mate e Terra FM, com parceria da Prefeitura, Escola do Chimarrão, ATVA e Rotary Chimarrão, promoveram um dia de integração, com costelão no fogo de chão, chimarrão de mão em mão, shows artísticos, lançamento da revista Descubra Venâncio – Especial Fenachim, com a presença das soberanas na festa. E no fechamento, show do Nativo Serrano.
Ontem, cedo da amanhã, a comitiva Fenachim, com a presença do presidente Vilmar Oliveira, da rainha Veridiana Röhsler, as princesas Alexandra Keller e Lavínia Giehl, a Coordenadora Social Cristiane Porto e a Coordenadora de Comunicação, Daiana Nervo, voaram para Brasília, onde hoje e amanhã entregam convites da festa para deputados, senadores, ministros e ainda tentam agenda com o presidente Jair Bolsonaro. O prefeito Jarbas das Rosa também viajou para Brasília onde participa da Marcha dos Prefeitos e de agendas da Fenachim.

Notinhas

  • No sábado pela manhã, em encontro do Republicanos em Porto Alegre, para lançar a pré-candidatura do vice-presidente da República, General Hamilton Mourão, a Senador pelo RS, a comitiva da Fenachim, se fez presente, antes do evento, para entregar convite para Mourão, gaúcho de Porto Alegre. A agenda foi marcada por Benildo Soares, presidente da Câmara de Vereadores e o presidente do Republicanos em Venâncio, Mateus Silva, que participaram do encontro do partido.
  • Encontrei o médico aposentado Flávio Seibt no super na semana que passou e ele me contou que o projeto cultural para manter o Museu, não anda em Brasília. “Se não vierem recursos deste projeto o Museu terá que demitir seus funcionários e fechar as portas”, projeta Flávio, idealizador do Museu e seu maior defensor. “Estou com 75 anos e a idade começa a pesar também”, me disse ele, um tanto desolado. Pelo que soube em outras conversas, o assunto vai ser levado ao prefeito Jarbas da Rosa (PDT). Municipalizar o Museu, com todo seu patrimônio, pode ser o caminho para manter aberto o edifício que preserva e mostra a história de Venâncio.
  • Novo embate foi estabelecido no confronto incessante do STF com o presidente Jair Bolsonaro. E me parece ‘arapuca’ armada. Alexandre Moraes, Ministro do STF, denunciou, julgou e condenou o deputado bolsonarista Daniel Silveira a oito anos e nove meses de prisão, em regime fechado, por críticas fortes à Moraes e a Suprema Corte, que é formada, na sua maioria, por indicados políticos de Lula e Dilma. Bolsonaro, acuado, como queira o ‘sistema’, usou de prerrogativas e indultou Daniel. Foi um ‘prato cheio’ para a grande imprensa, especialistas e oposição, em sintonia, serem implacáveis em atacar Bolsonaro e tentar impeachment. Com a diferença das pesquisas entre Lula e Bolsonaro encurtando rapidamente, não me surpreende em nada o que estamos assistindo. Mas os tiros estão saindo pela culatra.
  • No final de semana esportivo, a Assoeva venceu, de virada, por 4 a 3 o Cascavel, último campeão da Liga Nacional, em jogo realizado no domingo às 13 horas no Poliesportivo. Uma vitória eletrizante, que encorpa o time de Malafaia na competição. O Guarani perdeu o clássico para o Avenida, em Santa Cruz, no sábado, por 1 a 0, mas ficou a dois pontos do grupo que classifica. Ontem a noite jogou contra o Pelotas, no Edmundo Feix. Domingo pega o São Gabriel também em casa. O time do técnico Serginho Almeida tem feito bons jogos e perdido no detalhe. Pode se recuperar.
    A dupla Gre-Nal foi bem. O Grêmio fez 3 a 1 no Guarani na Série B e é 6º com 4 pontos em três jogos. O Inter venceu o Fluminense no Maracanã por 1 a 0, na estreia de Mano Menezes no comando do Inter e o time já mostrou outra atitude. O colorado é 5º com 6 pontos em três jogos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques