E a 16ª Fenachim vem ai

Eagro Müller deixa um legado. (foto: Divulgação)

No sábado foi apresentada a programação da 16ª Fenachim, em baile na Sova, onde a ranha Veridiana Röhsler e as princesas Alexandra Keller e Lavínia Giehl apresentaram os belíssimos trajes sociais criados pela designer de moda Luana Sehn.
Foi uma grande noite com a Celebration Band, com muitos aplausos para a programação apresentada, especialmente para os shows nativistas que agradaram muito, com Baitaca, Os Serranos, João Luiz Corrêa, Shana Müller, Os Fagundes, Grupo Bochinho, Pedro Ernesto Denardin e os causos do Gaudêncio, com Cris Pereira. Os shows nacionais de Dilsinho, Hugo e Guilherme e Grupo Pixote, já tinham sido divulgados em data anterior.
Mas o momento de ‘arrepiar’ foi a apresentação do clipe da música “Venâncio Aires que vive em mim”, com letra de Eagro Müller em parceria com Alexandre Brunetto, produtor musical reconhecido no estado. Eagro, do CTG Chaleira Preta, também foi fundador e Patrão do CTG Chilenas de Prata e hoje é presidente da Associação Tradicionalista de Venâncio Aires (ATVA). A voz de 16 artistas profissionais e amadores da terra do chimarrão tornou a canção ainda mais marcante.
Depois da apresentação fui cumprimentar Eagro, que estava sentado numa mesa, ao lado de Telmo Kist, uma das vozes que interpretou a música e que anos antes escreveu e gravou ‘’Roda Essa Cuia’, que foi outra canção icônica falando de Venâncio.
“Venâncio que vive em mim’ é poesia pura, que está emocionando muita gente que viu e ouviu o clipe e que está compartilhando com familiares e amigos em redes sociais.

Em Brasília
Por falar em Fenachim, a comitiva da festa vai a Brasília durante a Marcha dos Prefeitos, dias 26 e 27 de abril, para entregar um convite ao presidente Jair Bolsonaro, me confirmou ontem Daiana Nervo, da Comissão de Comunicação e Eventos. Vai o presidente Vilmar Oliveira, a rainha Veridiana Röhsler e princesas Alexandra Keller e Lavínia Giehl, Cristiane Porto, da Comissão Social e Daiana. O prefeito Jarbas da Rosa, que vai estar na Marcha dos Prefeitos, se integra a comitiva em Brasília.
Quem sabe Bolsonaro seja o primeiro presidente da República a visitar a Fenachim e tomar um chimarrão. É o Presidente que mais se mistura com o povo nas ruas.

No domingo a tarde o casal Eduardo e Cris Porto, da Comissão Social da 16ª Fenachim, com as soberanas Veridiana Röhsler, Alexandra Keller e Lavínia Giehl, fizeram uma visita ao ex-prefeito Almedo Dettenborn, que convalesce de sequelas de uma queda que teve na escada de sua casa em 2017. Almedo recebeu a comitiva com a esposa Helena da Rosa e o filho Gustavo.

Visita ao ex-prefeito Almedo Dettenborn

Eduardo e Cris com as Soberanas na visita à Almedo. (Foto: Divulgação)

Um justo reconhecimento ao prefeito que foi visionário ao criar a Festa Nacional do Chimarrão do zero em maio de 1985. Construiu o Parque do Chimarrão em um ano e realizou a 1ª Fenachim em maio de 1986, dez anos depois da realização da Festa Municipal do Chimarrão em 1971 e 1976, que era realizada na Travessa São Sebastião Mártir e Praça Cel Thomaz Pereira, no centro da cidade.
Lembro como se fosse hoje, quando subimos (eu cobri a visita para a Folha) o barranco das terras às margens do Acesso Leopoldina, na parte mais alta, bem onde está o pórtico de entrada do Parque hoje. Era uma lavoura de milho que fora colhida e que um anos depois deu lugar à 1ª Fenachim. Uma façanha.

Juliana Brizola participou de audiência pública

A deputada estadual Juliana Brizola (PDT) esteve ontem em Venâncio para participar da audiência pública sobre torres de telefonia, realizada na Câmara sde Vereadores, proposta pelo vereador Gerson Ruppenthal (PDT). Juliana, neta de Leonel Brizola, vai concorrer a federal. Ela fez uma visita à Folha e Terra. Na redação do jornal, junto com uma revista Perfil Socieconômico de Venâncio, entreguei uma cópia da capa da Folha do Mate de 17 de novembro de 1989, que estampava resultados da eleição presidencial em Venâncio com destaque para Brizola, que fez 20.870 votos, 57% dos votos válidos. Mas Collor de Melo (PRN), que fez 3.832 aqui, e Lula (PT) que fez 2.093, foram para o segundo turno, e Collor venceu.
Por falar em Brizola, o ex-prefeito Airton Artus, que concorre a deputado estadual, em dobradinha com Juliana Brizola, participa de um Seminário pelos 100 anos de Leonel Brizola, em Brasília, nos dias 30 de abril e 1º de maio.

Notas

Nosso trânsito – Wilson Weschenfelder, que foi editor da Folha por muitos anos, hoje aposentado, morando em Linha Lucena, vem para a cidade seguidamente e nesta semana postou preocupação pertinente com o nosso trânsito.
“Está cada vez mais difícil dirigir no centro da cidade. Além da falta de vagas para estacionar, grande parcela da quadra está pintada de amarelo para carga/descarga, o que só acontece algumas horas por dia. Outro problema é o excesso de velocidade no centro. A grande maioria não anda a 40 km como recomenda a legislação. E em razão da pressa ou stress, ao invés de pisar no freio e diminuir a velocidade, buzinam como se o carro da frente estivesse errado. Sem falar no pisca pisca que muitos não desligam, especialmente os motociclistas. Na verdade, é muito carro para as nossas ruas, e todas as principais instituições, principalmente financeiras, ficam no centro da cidade. Me lembro de muitos debates sobre o futuro de Venâncio Aires para 20 ou 30 anos, porém esse prazo já transcorreu e o plano diretor da cidade praticamente continua o mesmo”, escreveu Wilson.

No prejuízo – Na terça-feira, 5, na comemoração dos 30 anos de Mato Leitão, com o lançamento da revista Perfil Socieconômico de Mato Leitão produzida pela Folha do Mate e premiação das maiores empresas e produtores rurais geradores de tributos pela Administração Municipal, o vice-presidente da Dália Alimentos, Pascoal Bertoldi, falava da dificuldade da avicultura e suinocultura, com a elevação dos custos de produção, especialmente da ração, fabricada com milho e soja. “O produtor individual está trabalhando com prejuízo e não suporta mais”, disse Pascoal, citando que os sistemas integrados de Cooperativas como a Dália e de empresas, tentam de todas as formas manter viável a produção.

Preços disparam – Por falar nisso, é assustadora a disparada dos preços de frutas, legumes e verduras. O pé de alface saltou de R$ 2 para R$ 7, tomate italiano e cenoura de R$ 5 para R$ 15 e por aí vai. A pandemia, a estiagem no Sul, as enchentes na Bahia, o valor do dólar, o preço do diesel e da gasolina, a guerra da Ucrânia e os reflexos sobre os insumos, tudo contribui para elevação dos preços. E tem os que se aproveitam da situação e colocam mais em cima. Com a volta das chuvas no Sul os preços devem cair um pouco logo adiante. Mas não muito.

Novas pesquisas – Saíram novas pesquisas para eleição presidencial. Pelo Ipespe/XP, sem Sergio Moro, na estimulada Lula (PT) manteve 44%; Bolsonaro (PL) cresceu de 26 para 30%; Ciro (PDT) de 7 para 9%; Doria (PSDB) de 2 para 3%; Tebet (MDB) de 1 para 2%. Na espontânea deu Lula 36%, Bolsonaro 27%, Ciro 4%, Moro 2%, Doria 1%, Janones 1%, Tebet 1%, não sabe 21%. Em simulação de segundo turno, deu Lula 53%, Bolsonaro 33%, branco/nulo/não votaria/não sabe/não respondeu 14%.
O Instituto Gerp mostra Lula caindo de 38 para 37% das intenções de voto, na estimulada, e Bolsonaro subindo de 31 para 35%, configurando empate técnico. Moro tem 6%, Ciro 5%, Janones 2% e Dória 1%.

Notinhas

  • A Caciva realiza reunião-almoço na próxima terça, 12, às 11h30min, na AABB, com palestra do premiado economista Oscar Franck. O tema será “Cenários e perspectivas para a economia”. Os cartões para o almoço devem ser reservados na Caciva.
  • Conab calcula em 38% a quebra da safra de grãos no RS. Do recorde de 35,5 milhões de toneladas na safra passada, para 20,6 milhões de toneladas. A soja tem quebra de 50%. O impacto vai ser grande.
  • Na quarta, 6, perguntei ao vereador Gerson Rupenthal (PDT), vice-presidente da Câmara de Vereadores, antes de entrar no Terra em Uma Hora, quem seria o próximo presidente do Legislativo. Ele me respondeu: Eu.
  • A Vice-prefeita Izaura Bergmann Landim (MDB) dá sinais de que não vai aceitar concorrer a deputada federal, como pressiona o partido, que precisa de mulheres na nominata. Izaura, pensa mais adiante, e não quer concorrer só por concorrer. É a minha leitura.
  • Prefeito reeleito de Vale Verde, Carlos Gustavo Schuch (M|DB), tem 77,6% de aprovação do seu governo, conforme pesquisa realizada pelo instituto LJM. Ótima avaliação. A pesquisa também mostrou que a maior demanda da população é por mais investimentos na saúde, com 63%. depois obras, com, 15%.
  • Ex-prefeito Giovane Wickert (PSB), que deixcou o cargo de secretario estadual Adjunto de Obras e Habitação, anunciou na quinta, 7, que está aprovado o acordo entre o Estado, via Daer, com a Madeireira Haas e a construtota Porto Betton para construção da ponte na ERS-422, em Linha Brasil, pelo Programa de Acesso Asfáltico (PIAA) onde a empresa pode usar ICMS gerado. O pontilhão de madeira e com passagem única, vai ser substituido por uma ponte em concreto para duas pistas, com recusos via PIAA da Madeireira e com aporte da Prefeitura.
  • MDB, PSDB, União Brasil (DEM+PSL) e Cidadania acordaram lançar chapa única no dia 18 de maio para fazer frente à polarização de esquerda e direita com Lula e Bolsonaro. A senadora Simone Tebet (MDB-MS) e o governador Eduardo Leite (PSDB-RS), que renunciou ao cargo, são os dois nomes mais fortes. Os dois se reuniram em Brasília na quarta para afinar discurso.

Do Twitter

  • O Globo: PT acende sinal de alerta com projeções que colocam Bolsonaro e Lula empatados
  • Folha S. Paulo: Lula pede para militância pressionar famílias de deputados
  • Crusoé: Simone Tebet e Eduardo Leite discutem candidatura da terceira via.
  • Estadão: Ciro Gomes descarta a terceira via: ‘Viúvas do Bolsonaro’
  • Gazeta do Povo: Lula diz que elite no Brasil é escravista e classe média ostenta acima do necessário
  • Veja: Lula defende legalização do aborto e critica a classe média
  • Deltan Dallagnol: Lula defende legalização do aborto no Brasil e afirma que o aborto é algo a que todos “deveriam ter direito”. Eu digo o que acho: ninguém tem o direito de tirar a vida de um bebê, dentro ou fora da barriga
  • Marcel Van Hattem: É irresponsável e criminosa a incitação que Lula tem feito ao pedir que os endereços dos deputados sejam mapeados para que se possa ir importuná-los e a seus familiares. Uma vergonha! O meu endereço em Dois Irmãos é público, todos sabem onde moro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques