Envolvido no Mensalão é CC de Tarso Genro

Deputado Edson Brum (PMDB) se mostra surpreso com uma nomeação feita pelo governador Tarso Genro. Denunciou que o réu confesso do braço gaúcho do chamado Valerioduto, que abasteceu o caixa dois das campanhas do PT no Rio Grande do Sul, o engenheiro Marcos Fernando Trindade acaba ser de ser contemplado com um cargo em comissão junto ao Governo Tarso. Brum, que tem o hábito de verificar as nomeações publicadas no Diário Oficial, se disse surpreso ao ver Trindade indicado a ocupar um posto de destaque junto à Secretaria Habitação, Saneamento e Desenvolvimento Urbano (símbolo CCE- 8, com acréscimo nos salários de mais 40% de representação).O deputado lembra que Trindade era emissário do PT gaúcho nas viagens entre Porto Alegre e Belo Horizonte e confessou na Justiça que atuou como “mula” para buscar R$ 1,2 milhão do publicitário Marcos Valério com a finalidade de pagar dívidas de campanha. Ao lado de outros dois dirigentes do partido (o ex-presidente estadual David Stival o ex-tesoureiro Marcelino Pies), o engenheiro fez um acordo judicial para se livrar do processo através da doação de cestas básicas para entidades de caridade da capital.

O governador Tarso classificou a denúncia como ‘vazia’ e ‘irresponsável’.

Destaques