Helena da Rosa quer relação de respeito entre Câmara e Prefeitura

Presidente da Câmara na visita à redação da Folha nesta semana. (Foto: Ana Carolina Becker/Folha do Mate)

Nesta semana recebemos na Folha a visita da presidente da Câmara de Vereadores, Helena da Rosa (MDB). Ela contou bastidores da eleição da Câmara e disse que vai seguir o conselho dado pelo marido, o ex-prefeito Almedo Dettenborn (MDB), em vídeo que foi mostrado na primeira reunião dirigida por Helena, onde ele pede que ela conduza o Legislativo com democracia e respeitando o Regimento Interno.

Ela diz que quer fazer uma visita ao prefeito Giovane Wickert (PSB), com quem quer manter uma relação de respeito em tre os poderes. Helena garante que todos projetos que forem bons para a comunidade, serão aprovados pela Câmara, que neste ano tem maioria da oposição. Mas assinalou que “o Legislativo será um poder independente, não mais um ‘puxadinho’ da Prefeitura como foi nas três gestões anteriores, onde a bancada governista dirigiu a casa e só dizia amém para tudo.”

Helena já anunciou o repasse de R$ 200 mil de sobras do orçamento para o Hospital, com parte do valor para a realização de uma consultoria da situação para que o hospital apresente balancetes do recebimento de recursos e da sua aplicação, como forma de relação transparente com a comunidade que tanto ajuda. Ela diz que vai destinar mais sobras de orçamento ao longo do ano para o Hospital, elegendo a saúde como prioridade.

Helena diz que vai ter que fazer reformas que já deveriam ter sido feitas em gestões anteriores no prédio do Legislativo que tem goteiras, infiltrações de umidade nas paredes, problemas na tubulação de esgoto etc, fruto de um prédio construído com baixa qualidade.

Professora, com a experiência de ter sido Primeira Dama e com dois mandatos de vereadora, Helena tem todas as condições para fazer uma boa gestão no Legislativo.

 

Clóvis com Bolsonaro

Nesta semana o prefeito em exercício, Celso Krämer (PTB) e o secretário municipal do Meio Ambiente, Clóvis Schwertner (PSB), foram à Brasília, participar da abertura de edital sobre tratamento resíduos sólidos urbano.

Schwertner com Bolsonaro. (Foto: Divulgação)

De 1.200 municípios do Brasil que se habilitaram só 21 foram classificados. Fomos assinar a participação de Venâncio, num ato no Palácio do Planalto em Brasília” escreveu Clóvis, ao postar uma foto com o presidente da República, Jair Bolsonaro.

 

PSD independente

O presidente do PSD, vereador Nelsoir Battisti, divulgou nota ontem a tarde afirmando que o partido declara sua independência da atual conjuntura política local. Relata que a decisão foi tomada em reunião da Executiva e aqueles que não compactuarem com a decisão tem total liberdade para escolher novos rumos. Um recado direto ao ex-presidente Chico Rech, que tem sua esposa como CC na Prefeitura e apoia o governo e o tam,bém vereador do partido, Zé da Rosa, que continua com o governo.
Na nota Nelsoir anuncia também que o partido está aberto ao diálogo com diferentes correntes políticas com a proposta de formar uma via alternativa.
Na prática, o PSD sai oficialmente da base do governo Giovane Wickert (PSB)/Celso Krämer (PTB), que entre Nelsoir, que foi secretário do Desenvolvimento Econômico, e o vereador Eduardo Kappel (PL), escolheram ficar com Kappel.

 

Fim das coligações

A Folha está publicando matérias com posicionamento de prefeitos e vereadores da região de abrangência do jornal, para mostrar quem vai concorrer à reeleição.

Os prefeitos Giovane Wickert (PSB), de Venâncio; Carlos Bohn (PSDB), de Mato Leitão; e Gustavo Schuh (PMDB), de Vale Verde, penso que é certo que vão correr. Helinho Queirós, de Passo do Sobrado, pelo que tenho de informações não é certo. Giovane e Gustavo estão no primeiro mandato. Carlos Bohn está em seu terceiro mandato em Mato Leitão e pode ser quatro vezes prefeito se conseguir a reeleição em outubro.

A grande mudança nesta eleição será para eleger vereador. A legislação foi modificada e não tem mais coligação de partidos para eleição proporcional; cada partido terá que ter sua nominata e somar votos para eleger vereador. Se valesse a regra na última eleição, Duda Kappel (PP) e Ciro Fernandes (PSC) não teriam sido eleitos.

 

Alemão no samba

Lineo Mayer Felten vai receber amigos alemães no carnaval, o Gerhard Heibt, do qual falei dias atrás na coluna e amigos.

Nos escreveu Lineo, ontem: “No Carnaval, período do dia 22 a 24/02, volto a receber a visita do meu amigo alemão Gerhard Heib, acompanhado desta vez, pela namorada Birgit, do irmão Uli e, do amigo Reiner! Vou acomodá-los na minha casa da chácara!
Irão assistir aos dois desfiles das Escolas de Samba, em frente ao Café do Museu e, participar do Baile de Carnaval do Clube Leituras, onde foram convidados a integrar o Camarote da Escola Malandros do Ritmo!”

Gerhard e os amigos iniciaram viagem de férias pela América do Sul em janeiro e chegam à Venâncio no sábado, 22 de fevereiro e ficam até segunda, 24, quando começam a viagem de volta pra casa. Ele já esteve em cinco oportunidades em Venâncio.

 

Na Amvarp

A professora Liziane Madsen Etges, secretária municipal de Educação de Passo do Sobrado, esposa do ex-prefeito de Passo do Sobrado, advogado Airton Etges, assume a coordenação regional de secretários municipais de Educação da Associação dos Municípios do Vale do Rio Pardo (Amvarp) e também será a representante titular da região nas reuniões da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), que ocorrem mensalmente em Porto Alegre. Liziane assume cargo que era ocupado pela professora Joice Battisti, ex-secretaria municipal de Educação de Venâncio, exonerada pelo prefeito Giovane Wickert (PSB) quando da saída do MDB do governo municipal.

 

As frituras

Presidente Jair Bolsonaro ‘fritou’ o Ministro da Casa Civil, deputado gaúcho do DEM, Onix Lorenzoni, seu apoiador de primeira hora e peça chave na campanha. Primeiro esvaziou a pasta e agora anuncia um General na Casa Civil, formando um núcleo central do governo só de militares. Onix vai para o Ministério da Cidadania, onde o também deputado gaúcho do MDB, Osmar Terra, perdeu lugar e volta para o Congresso. Terra lutava com ‘unhas e dentes’ contra a liberação de drogas no país. Foi fritado. Bolsonaro vai se atrapalhando.

 

A pesquisa

Pesquisa Atlas foi divulgada nesta semana sobre eleição presidencial de 2022. Jair Bolsonaro lidera com 41% das intenções de voto. Luciano Huck (Sem Partido) tem 14%, Flávio Dino (PCdoB) 13% e João Dória (PSDB) 2,5%.

Outra simulação foi feita com Lula, que é inelegível pelas suas duas condenações por corrupção na Lava Jato, e com o Ministro Sergio Moro, que não é filiado a partido. Bolsonaro lidera com 32% das intenções de voto, contra 28% de Lula e 20% de Moro. Huck tem 6%, Dino 3% e Dória 0,6%.

 

O Oscar

Festa do Oscar, a festa do cinema mundial, atraiu atenção especial nesse ano no Brasil, por conta da participação do documentário Democracia em Vertigem, onde a cineasta Petra Costa, herdeira da construtora Andrade Gutierrez, e o fotógrafo de Lula, Ricardo Strucker, e equipe, contam, na sua visão, o impeachment de Dilma e enaltecem os governos petistas. Ninguém falou em corrupção. A vitória foi estar lá, ganhar não era importante. Isso se comprovou no tapete vermelho, onde toda equipe levou cartazes de Quem Matou Mariele, Não matem os índios, etc. Só faltou Lula e Dilma irem junto. E Lula jurar que é o homem mais honesto do mundo.

 

Notinhas

* Prefeito Giovane Wickert (PSB), depois de alguns dias de férias, reassume nesta segunda-feira, 17.

* Água amarelada/esverdeada saindo das torneiras. Corsan diz que a coloração é de algas no ponto de captação no Castelhano, mas que a água é potável.

* 34º Natal Luz de Gramado teve receita de R$ 36,9 milhões e despesas de R$ 29,5 milhões. O superávit foi de R$ 7,4 milhões, que serão investidos em novos eventos. O turismo ‘bomba’ em Gramado.

 

Esportivas

* E hoje tem Gre-Nal pelo Gauchão, às16h30min no Beira Rio, Vale vaga na final, contra Caxias ou Ypíranga, que fazem a outra semifinal. Como o Grêmio classificou em segundo, forçou um clássico antes da final do turno.

* Teremos outro clássico no segundo turno do Gauchão, mais um na semifinal ou final do segundo turno e mais um possível na final.

* Mas não termina ai. Se o Inter classificar para a fase de grupos da Libertadores, teremos mais dois grenais, pois vão estar na mesma chave.

* E no Brasileiro serão mais dois grenais, além da possibilidade de Copa do Brasil ter Gre-Nal.

* Vamos ter overdose de clássicos gaúchos neste ano.

* Por aqui o Guarani faz mais um amistoso no Edmundo Feix, neste sábado, pela manhã. Joga às 10h30min contra o Glória de Vacaria. Mais um jogo para o técnico Chicão tirar definições, pois a estreia na Divisão de Acesso é dia 1º, contra o Guarany, em Bagé.

* E a Assoeva começa a temporada participando da Copa Três Coroas.

 

Do Twitter

* O Globo: Bolsonaro confirma Braga Netto na Casa Civil e Onyx na Cidadania.

* O Globo: ‘Eu dou as costas para ele, ele dá as costas para mim. Confiança total e irrestrita’, diz novo Ministro da Casa Civil, Luiz Ramos, general responsável pela articulação política de Bolsonaro.

* Veja: Com Casa Civil esvaziada, Onyx assume pasta pressionada por resultados

* Crusoé: ‘O PSol defende as milícias’, diz Bolsonaro após ataques a Moro.

* O Globo: Papa Francisco rejeita padres casados por sentir que igreja não está pronta para mudança

* El Pais: Estudo propõe atrasar a hora de início das aulas para melhorar o rendimento e a saúde dos jovens

* Cristian Deves: Diminuam para 10 Vereadores a Câmara de Vereadores. Teremos uma economia de R$ 800 mil por ano. Isso sim seria uma proposta decente e em prol da população.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome