Hoje é dia de debate entre os dois candidatos a prefeito de Venâncio

Folha e Terra promovem hoje a noite o seu primeiro debate entre os candidatos a prefeito de Venâncio, Giovane Wickert (PSB) e Jarbas da Rosa (PDT). Com mediação dos jornalistas Letícia Wacholz (editora da Folha) e Daniel Heck (diretor da Terra FM), os dois candidatos respondem perguntas feitas por leitores do jornal, ouvintes da rádio e internautas, vão responder perguntas feitas pela equipe de jornalismo dos dois veículos e vão fazer perguntas entre si, no pinga-fogo, para debater seus Planos de Governo.
O debate de 3h começa as 20h, no auditório da Folha, e será transmitido pela Terra FM e pelas páginas do Facebook da Folha e Terra. É mais uma oportunidade do eleitor prestar atenção nos posicionamentos e nas propostas que cada candidato vai apresentar, para que possa fazer sua melhor escolha no dia 15 de novembro, quando escolheremos o próximo prefeito, vice e os 15 vereadores.

Notinhas

* Campanha do prefeito Giovane Wickert (PSB) foca forte em ações do governo na saúde e anuncia novas propostas para o setor. Efeito da pesquisa Methodus, que identificou a saúde como prioridade do eleitor para o próximo governo.
* O prefeito Giovane Wickert (PSB) visitou o ex-prefeito Almedo Dettenborn (MDB) na terça-feira, dia 6 de outubro, Dia do Prefeito. Almedo apoiou Giovane na eleição de 2016. Na visita de terça, Almedo estava com os filhos do primeiro casamento, Ramona, Carlos, Sandusa e o genro Airton de Souza e todos fizeram o sinal do ‘Fechado com o 40’ com Giovane. E o MDB tem a vereadora Izaura Landim candidata a vice de Jarbas da Rosa (PDT) e a esposa de Almedo, Helena, é vereadora que concorre à reeleição pelo MDB.
* Helena da Rosa (MDB), presidente da Câmara de Vereadores, anunciou na segunda que pediu à Prefeitura redução do orçamento da Câmara para 2021, em R$ 1,350 milhão, pois é dinheiro que o Legislativo não vai precisar e que fará falta ao próximo prefeito. A atitude de Helena termina com o que se tornou praxe, a Câmara com muito mais dinheiro do que precisa e os presidentes brincando de ‘prefeitinho’, devolvendo dinheiro para o prefeito e dizendo o que fazer com ele. Vereador é eleito para fiscalizar e legislar.
* ZH divulgou pesquisa Ibope em Porto Alegre na terça. Manuela D’Ávila (PC do B) lidera com 24% das intenções de voto. José Fortunati (PTB) tem 14%, Sebastião Melo (MDB) 11%, Nelson Marchezan 9%. Abaixo dos 10% vem Juliana Brizola (PDT) com 5%, João Derly (Republicanos) 4%, Fernanda Melchiona (PSOL) 3%, Valter Nagelstein (PSD) 3%. Com 1% aparecem Gustavo Paim (PP) e Júlio Flores (PSTU). E três ficaram no zero.

Do Twitter

* GZH: Pela primeira vez em 10 anos, despesas com pessoal caíram no Rio Grande do Sul
* Folha S. Paulo: Empresas burlam regras e mantêm disparos em massa de mensagens eleitorais
* Estadão: ‘Tomei café com Maia. E daí? Estou errado?’, diz Bolsonaro sobre encontros criticados por apoiadores.
* Exame: Maia pede desculpas a Guedes e fala em retomar união por reformas
* O Globo: Corte de gastos com super salários pode financiar Renda Cidadã
* Extra: Bolsonaro promete indicar pastor para vaga de Marco Aurélio no STF
* UOL: Moro é pressionado pela família a sair do Brasil e ficar longe da política
* Veja: A participação de Lula no escândalo que envolve a Fecomércio do Rio
* Aod Cunha: Que tal cortar os salários acima do teto de R$ 39.300 reais para financiar o Renda Cidadã, Presidente? Isso não é tirar dos pobres para dar para os muito pobres
* Paulo Pimenta: Moro já teria se arrependido de deixar o governo e estuda ir embora para os EUA
* Deputado Zucco: Presidente Bolsonaro conversa com todos os setores, inclusive os poderes da república, mas segmentos da mídia o criticam. Como criticavam justamente pelo contrário, pela falta de habilidade em “fazer política”. Indiferente, ele cumpre promessas e aumenta a sua aprovação popular.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome