Mulheres são convidadas a compartilhar vídeos com leitura ou declamação de poesias sobre empoderamento feminino (Foto: Pexels/Divulgação)

O projeto Elas por Elas, que já criou dois audiolivros infantis com histórias de mulheres inspiradores, lançou uma nova ação, neste período de isolamento social. Por meio da página ‘Elas por Elas: um audiolivro infantil’, no Facebook, estão sendo divulgados vídeos com declamação ou leitura de poesias por mulheres de Venâncio Aires.

A ação “Para Ser Lar: Elas por Elas na Poesia”, tem o objetivo de contribuir para o empoderamento feminino. A professora Fernanda Saldanha e as estudantes Kelli Guterres e Kellen Hoffmann, que desenvolvem o projeto, lembram que, durante o distanciamento social, os números da violência doméstica contra meninas e mulheres aumentaram muito no país.

“O lar, local que era para ser de refúgio e segurança é de medo, terror e até morte. Pensando em como poderíamos contribuir, de alguma forma que estivesse ao nosso alcance, para mudar esse cenário, entendemos que o empoderamento feminino é um caminho possível. Sabemos que muitas não denunciam seus agressores por medo, então precisamos nos fortalecer. Assim, criamos ‘Para Ser Lar: Elas por Elas na Poesia’”, diz a apresentação do projeto.

Mulheres de todas as idades são convidadas a participar da ação e compartilhar os vídeos de leitura, declamação ou dramatização de poesias que tenham como tema o empoderamento feminino. O material será divulgado na página do Facebook. Para participar, basta entrar em contato com as idealizadoras, pelas redes sociais.

Audiolivro

O projeto ‘Elas por Elas: o protagonismo feminino em histórias reais narradas para crianças em um audiolivro’ surgiu na Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Alfredo Scherer, em 2018. Na primeira edição, foi criado uma audiolivro com histórias de mulheres com trajetórias inspiradores, de diversas partes do mundo, como Malala, Anne Frank e Frida Kahlo. No ano passado, foi lançada a segunda edição, com histórias de venâncio-airenses. O projeto já representou Venâncio Aires em mostra de trabalhos internacionais, no Paraguai e no Peru.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome