A sablée e a sucrée são massas mais específicas para a confeitaria. (Foto: Divulgação)
A sablée e a sucrée são massas mais específicas para a confeitaria. (Foto: Divulgação)

Nesta terça-feira, 4, a partir das 22h45min, um novo time vai entrar em cena na cozinha mais famosa do Brasil do MasterChef Brasil. Desta vez, os oito participantes terão que usar a criatividade e as técnicas da gastronomia francesa para levar o troféu para casa.

Não vai ser brincadeira não. Eles terão que preparar tradicionais massas bases: a brisé, sableé e sucreé. Além de acertar no ponto, apresentação e sabor, os cozinheiros terão que trazer o sabor da França para a cozinha e conquistar o paladar apurado dos jurados Paola Carosella, Henrique Fogaça e Érick Jacquin.

Está curioso para entender as técnicas das massas antes de acompanhar este quarto episódio de tirar o fôlego. Então, vamos lá. Selecionamos abaixo as características de cada prato – brisé, sableé e sucreé –  para os experts de plantão e amantes de gastronomia que querem saber tudinho antes do programa entrar no ar. É isso aí, bora aprender um pouco mais e testar esta saborosa receita em casa.

Brisé

A patê brisée é uma massa que não contém açúcar, podendo ser utilizada tanto para recheios salgados quanto doces. É a famosa massa de quiche, ou torta salgada. Ou melhor dizendo, a conhecida massa podre.

Sablée

A Pâte Sablée é uma massa para torta mais arenosa, que desmancha na boca, mas não chega a ser uma massa podre. Ela é uma massa quebradiça por causa da manteiga que deve ser incorporada na massa em temperatura ambiente, o que impermeabiliza a farinha, deixando a massa com essa característica.

Sucrée

A massa sucrée é bem mais doce que todas as outras massas de tortas. Ela é pouco crocante, mais macia que as outras, e muito parecida com a massa de biscoito amanteigado. Quando sobra um pouco de massa da torta que estou fazendo eu acabo não resistindo em fazer uns biscoitinhos também.

Até mais…

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome