A paixão pela Medicina aliada à vida pública

-

A experiência na área da saúde pública fez com que Airton Artus, 64 anos, reforçasse ainda mais a paixão pela Medicina, concluída em 1983. Naquela época, o clínico geral conciliava o tempo com família à agenda de compromissos ligados à profissão, os atendimentos particulares e plantões no Hospital São Sebastião Mártir (HSSM).

Contudo, o desejo de empreender na área da Medicina sempre esteve nos planos do médico, que em 2001 fez uma especialização em Medicina do Trabalho e, no ano seguinte, inaugurou o próprio negócio: a Clínica São Vicente. A empresa foi criada com o propósito de facilitar o acesso à saúde às pessoas de menor poder aquisitivo. “A implantação de um sistema de clínica popular atendia pessoas que eram filiadas a sindicatos e possibilitava o acesso a consultas médicas de diferentes áreas, com preços mais acessíveis”, explica o médico e empresário.

Durante o período de atuação na área da Medicina, Artus acompanhou grandes marcos na saúde pública, inclusive a implantação do Sistema Único de Saúde (SUS). Ele desempenhou cargos públicos importantes na saúde pública, como coordenador regional de Saúde, em 1991, diretor do corpo clínico do Hospital São Sebastião Mártir (HSSM), em 1993, e secretário municipal de Saúde, em 1997, além de ter sido prefeito de Venâncio Aires em dois mandatos.

Para ele, atuar na saúde pública é um compromisso e, acima de tudo, um grande desafio. “A saúde pública e privada no Brasil enfrenta vários desafios, entre eles, a dificuldade de solicitação de exames e de procedimentos mais complexos. Algumas vezes, o sistema privado fica fora do alcance das empresas e o sistema público restrito às longas filas de espera”, avalia o médico.

Empreendedorismo e política

Após várias experiências na área pública e privada, em 2004, Artus decidiu implantar um novo conceito à Clínica São Vicente, com a migração para prestação de serviços voltados à Medicina do Trabalho. Atualmente, a empresa familiar, que está localizada em Venâncio Aires e Santa Cruz do Sul, conta com 28 colaboradores. “A proposta da empresa foi promover uma mudança de cultura junto ao empresariado, no sentido de promover o entendimento de que a prevenção da saúde não é um custo, mas, sim, um investimento. O trabalhador saudável e satisfeito com o trabalho gera a produtividade”, enfatiza.

Segundo ele, o objetivo da clínica é a atuação preventiva, por meio de programas que garantam a segurança do trabalhador e a prevenção de doenças. “Nosso objetivo é manter os olhos para a família dos proprietários, familiares, fornecedores e terceirizados”, afirma Artus. Ele destaca que “o segredo do empreendedor é sempre manter o foco, com a implantação de inovações tecnológicas e adaptação à nova realidade e às relações de trabalho”.

“A vida toda me dividi na atuação da vida pública e privada. Acredito que ambas se completam no entendimento das questões relacionadas à vida pessoal, profissional e econômica.”

AIRTON ARTUS- Médico e sócio-proprietário da Clínica São Vicente

Perfil

  1. Airton Artus nasceu em 27 de setembro de 1957
  2. Em 1983 formou-se em Medicina, onde atuou por muitos anos, na saúde pública e privada, como clínico geral
  3. Em 1991, atuou como coordenador regional de Saúde. Período em que acompanhou a criação e implantação do Sistema Único de Saúde (SUS).
  4. Em 1993, assumiu o cargo de diretor do corpo clínico do Hospital São Sebastião Mártir (HSSM).
  5. Em 1997, foi secretário municipal de Saúde.
  6. Em 2001 concluiu a especialização em Medicina do Trabalho e, no ano seguinte, inaugurou a Clínica São Vicente, em Venâncio Aires. A filial da empresa, foi implantada em Santa Cruz do Sul, em 2005. Neste mesmo ano, Artus foi secretário municipal de Meio Ambiente.
  7. Airton Artus foi vereador de Venâncio Aires por dois mandatos. (1996 – 2004), vice-prefeito (2004-2008) e prefeito (2008-2016).
  8. 8 – Em 2018, foi eleito primeiro suplente de deputado estadual. Recentemente, foi oficializado com pré-candidato a deputado estadual pelo PDT.

Opinião

Qual a importância de participar de um projeto como Gente & Negócios, que busca pensar o futuro e contribuir com o desenvolvimento de Venâncio Aires?

Para a Clínica São Vicente, é de suma importância participar de um projeto como o Gente & Negócios, que vai culminar com a elaboração da revista Perfil Socioeconômico. Para mim, particularmente, participar deste debate em relação ao polo de proteína me enche de orgulho e satisfação porque, há alguns anos, me interesso pelo tema. Fico feliz vendo o envolvimento de empresas, universidades e poder público fazendo com que este tema não só ganhe destaque, mas seja de suma importância na economia e na área social da nossa região.

Série de entrevistas

A Folha do Mate divulga uma série de entrevistas com representantes das empresas apoiadoras do projeto Gente & Negócios. A iniciativa da Folha do Mate e da Terra FM promove debates sobre temas importantes para o desenvolvimento do município. Airton Artus será um dos painelistas do evento da próxima terça-feira, 31 de agosto. Além dele, Heitor Álvaro Petry (presidente da Sicredi do Vale do Rio Pardo), Gilberto Antônio Piccinini (presidente da Dália Alimentos), Dirceu Bayer (presidente da Cooperativa Languiru) e Neri do Nascimento (proprietário do frigorífico Boi Gaúcho) farão uma participação no 2º painel, que vai abordar o polo de proteína e cooperativismo.

LEIA MAIS:

 

“Venâncio tem um extraordinário potencial de desenvolvimento econômico e social”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Destaques

Últimas

Exclusivo Assinantes